quarta-feira, 21 de julho de 2021

Polícia Civil e Ceará Sporting Club encerram campanha “Um amor que une” na busca por pessoas desaparecidas

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) e o time Ceará Sporting Club encerraram, durante solenidade realizada na tarde desta terça-feira (20), a campanha “Um amor que une”, realizada durante o último mês de junho e que teve como objetivo a visibilidade das causas de pessoas desaparecidas no Estado. O “Vozão”, como é conhecido popularmente o time, juntou a paixão alvinegra de seus milhões de torcedores com o trabalho ininterrupto da 12ª Delegacia do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) da PC-CE, com intuito de divulgar nomes e rostos de pessoas que se encontram desaparecidas em todo o Estado do Ceará. A campanha marcou as comemorações dos 107 anos de fundação do clube cearense. A parceria entre o DHPP e o “Vozão” visou elucidar os casos amplamente divulgados durante todo o mês de junho, e com isso, trazer os amores das dezenas de famílias que buscam diuturnamente, com apoio da Polícia Civil do Ceará, encontrar seus entes queridos. Na tarde de hoje, o secretário da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) do Ceará, Sandro Caron, o delegado geral da PC-CE, Sérgio Pereira, e o presidente do Ceará Sporting Club, Robinson de Castro, fizeram um balanço da ação social e apresentaram os resultados do trabalho conjunto. Durante o evento, Sandro Caron ressaltou a importância da parceria entre a Polícia e o clube. “Eu costumo dizer que segurança pública não é feita só com Polícia. Temos aqui a demonstração de uma parceria que deu muito certo. Quando a gente fala de futebol, a gente reconhece a magnitude que foi essa campanha. Porque a segurança pública é direito e é responsabilidade de todos. Ter um alcance e a visibilidade de uma causa como a dos desaparecidos, em uma ação como essa, é algo muito importante, pois a segurança do nosso Estado é feita por homens e mulheres compromissados. Agradeço de coração e parabenizo a Polícia Civil e ao time do Ceará por essa iniciativa, que acredito eu, foi a primeira com essa magnitude aqui no Ceará”, destacou o secretário.

O delegado geral da PC-CE, Sérgio Pereira, agradeceu a parceria com o time do Ceará e destacou a importância da visibilidade da ação para os familiares das vítimas. “A Polícia Civil se sente honrada em participar de uma campanha tão relevante como essa, que é trazer de volta os entes queridos de várias famílias. É um alívio para esses familiares, que por muito tempo, não sabem o que aconteceu com esse parente que se encontra desaparecido, se faleceu ou se foi embora. Então, reitero o brilhante trabalho do Ceará Sporting Clube com a 12ª delegacia do DHPP, que juntos nesta campanha trouxeram cinco pessoas de volta para suas casas. Foi uma parceria que deu certo, e deixo aqui o registro que sempre que precisar, a Polícia Civil estará de portas abertas para o Ceará Sporting Club. Muito obrigada pela parceria. Reconheço aqui o importante papel desempenhado por todos”, disse. Já o presidente do Ceará, Robinson de Castro, ressaltou o trabalho integrado e agradeceu pelo certificado recebido da PC-CE. “Ficamos bastante gratos com o convite da Polícia Civil do Ceará em participar dessa campanha. Com o resultado, percebemos a diferença que isso trouxe para as famílias. Nos sentimos orgulhosos de estar neste momento, aqui com vocês, recebendo das mãos do secretário e do delegado geral esse documento de relevantes serviços prestados. Com certeza esse foi um golaço, e juntos com a Polícia Civil, realizamos e cumprimos com o nosso papel de cidadãos. Conte sempre com o nosso clube para outras iniciativas”, disse Robinson.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog