quinta-feira, 29 de julho de 2021

Flagrante: Polícia Civil prende em Campina Grande suspeita de matar adolescente em Cajazeiras

A Polícia Civil da Paraíba prendeu nesta quarta-feira, 28 de julho, uma mulher de 24 anos de idade, suspeita de ter assassinado a facadas Nikelly Bruna dos Santos Silva, 23 anos, crime cometido nessa segunda-feira, 26, em um bar no município de Cajazeiras, sertão paraibano. A prisão foi realizada por policiais da Delegacia de Crimes contra a Pessoa (Delegacia de Homicídios) de Campina Grande, com o apoio da Inteligência da 2ª Superintendência e do Grupo Tático Especial (GTE) de Cajazeiras. De acordo com a delegada titular da Homicídios, Suelane Guimarães, a suspeita fugiu para Campina Grande após o delito, mas as equipes policiais conseguiram monitorá-la por meio de informações de testemunhas que apontavam possíveis paradeiros da investigada. “Foram cerca de 50 horas de investigação ininterrupta, envolvendo as equipes policiais, até chegarmos ao exato local onde ela estava escondida, uma pousada no bairro das Malvinas”, disse a delegada. O crime teria sido motivado por um ‘esbarrão’ entre a suspeita e a vítima, o que gerou uma discussão e o desfecho morte. A suspeita já cumpre pena em regime aberto, com uso de tornozeleira eletrônica. A mulher presa está recolhida na central de Polícia Civil, aguardando audiência de custódia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog