quarta-feira, 12 de maio de 2021

Vereadores disparam contra pedidos de providências não atendidos em Itabuna

Críticas contundentes e até desabafos predominaram na sessão de quarta-feira (12), na Câmara de Itabuna, quando vereadores manifestaram insatisfação diante de pedidos de providências não atendidos. O principal alvo das manifestações foi o secretário de Infraestrutura e Urbanismo, Almir Melo Júnior. “Não estamos recebendo retorno do secretário; estamos sendo cobrados pelo povo por melhorias na infraestrutura, mas é impossível apresentar trabalho quando não somos recebidos", queixou-se Sivaldo Reis (PL), vice-presidente da Casa, logo seguido por vários colegas. O edil Luiz Júnior da Saúde (DC) citou uma avenida do bairro Santo Antônio onde não é possível um cadeirante passar. “É o terceiro bairro mais populoso de Itabuna e está cheio de buracos”, constatou. Situação semelhante foi trazida pelo colega Francisco (PSD), que lembrou ter encaminhado mais de 30 pedidos de providências. Ele disse, inclusive, que foi reduzida a equipe de pavimentação. “Eram mais de 40 pessoas e hoje são sete. Mas a cidade tem quase 100 bairros. Itabuna hoje é uma buracolândia total”, computou. “Casa de cupim” Da mesma forma, o vereador Cosme Resolve (PMN) ironizou: “Até o papel dos pedidos de providências já tá ficando antigo. Parece que antes de você pedir o ‘não’ já tá na boca”. Ele criticou, ainda, o motivo apontado para não abertura da unidade de saúde no bairro Vila das Dores. “É vergonhoso uma secretária não conseguir abrir um posto por causa de uma casa de cupim”, completou, referindo-se à secretária Lívia Mendes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog