segunda-feira, 31 de maio de 2021

Avança proposta do Banco de Empregos para Juventude itabunense

Tramita na Câmara um projeto que institui o Banco de Empregos para a Juventude. Apresentada pelo vereador Solon Pinheiro (Solidariedade), a proposta (027/2021) terá como relatora a edil Wilma (PCdoB). O nome dela foi indicado na tarde desta segunda-feira (31) pelo presidente da Comissão de Legislação, Manoel Porfírio (PT), após manifestação do setor jurídico da Casa, sobre a legalidade da matéria. O objetivo da futura legislação é garantir, dentro do município, a reserva de vagas para o primeiro emprego de pessoas entre 16 e 24 anos. “Uma lei que representa um grande passo rumo à vida adulta”, justificou o autor. Disposta a se debruçar sobre o projeto, Wilma destacou a importância da criação de leis que deem alternativas para os jovens. “Temos que estimular isso nos empregadores de nossa cidade, quebrar esse ciclo, é fundamental cuidar da nossa juventude no presente e no futuro”, comentou a vereadora. A reunião também expôs o relatório em que Solon Pinheiro (Comissão de Finanças), subscrito por Manoel Porfírio, manifesta-se favorável à abertura de crédito adicional especial solicitada pelo Executivo (021/2021). “É uma adequação de despesas apontando as receitas necessárias”, justificam. Como foi explicitado no pedido, serão valores para o combate à Covid-19 na Fasi (Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna), entidade mantenedora do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, para custeio de serviços de tecnologia e comunicação na Ficc (Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania).

Polícia Civil localiza fábrica clandestina de armas de fogo em Natal

Policiais civis da Delegacia Especializada de Narcóticos (DENARC) de Natal prenderam em flagrante, nesta segunda-feira (31), Anderson Pereira de Araújo, 35 anos, e Fernando Érick Ventura do Nascimento Xavier, 25 anos, no bairro de Igapó, em Natal. Eles foram detidos pelos crimes de tráfico de drogas, posse irregular de arma de fogo, comércio de arma de fogo e receptação. A ação contou com o apoio da Força-Tarefa de Combate ao Crime Organizado do Ministério da Justiça em Mossoró/RN. Investigações indicaram que uma residência na Travessa São Sebastião, no bairro de Igapó, estava sendo utilizada como uma fábrica clandestina de armas de fogo, além de servir de depósito e ponto de comercialização de drogas. Após o monitoramento da equipe do DENARC, Fernando Érick e Anderson Pereira foram flagrados, no interior do imóvel, quando estavam manipulando em um torno mecânico partes de artefato que se transformaria em uma espingarda caseira. Na ocasião, um dos suspeitos tentou se evadir do local, mas foi detido pelos policiais, enquanto o outro foi preso ainda no interior do imóvel. No interior da residência, foram encontrados os seguintes materiais: um revólver calibre .38 municiado, uma pistola calibre .40 (pertencente à Polícia Civil do RN e com registro de roubo), também municiada, munições dos referidos calibres e maquinários destinados à fabricação de armas de fogo caseiras. Além disso, os policiais apreenderam maconha, cocaína e “crack”, já prontas para o comércio, balanças de precisão e sacos para embalar drogas. Eles foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, posse irregular de arma de fogo, comércio de arma de fogo e receptação, e, logo após, encaminhados ao sistema prisional, onde se encontram à disposição da Justiça. A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Polícia Civil apreende carga de mais de 1 milhão e 300 mil cigarros importados na Zona Rural de Pedras de Fogo

APolícia Civil da Paraíba, através da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC), apreendeu no último sábado (29), em um galpão no Sítio Tatiana, Zona Rural de Pedras de Fogo (PB), um carregamento de 136 caixas de cigarros importados da marca Gift, contendo 50 maços em cada caixa, o que deveria abastecer o mercado clandestinamente com 1 milhão e 360 mil cigarros. A mercadoria é de origem paraguaia e estava estocada no galpão há pouco mais de dois meses. No local, o delegado Getúlio Machado e a equipe da DRFVC apreenderam também um veículo tipo Furgão, que faria o transporte do produto. “Nós recebemos a informação de que estava havendo um movimento atípico de carros naquela região, mais precisamente no Sítio Tatiana. Deslocamos nossas equipes para diligências e encontramos a mercadoria e o veículo, mas não localizamos o proprietário do produto. Fizemos a apreensão do material e, se for constatado que é produto contrabandeado, o caso será remetido para a Polícia Federal”, disse o delegado Getúlio Machado, titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas da Capital. O galpão foi alugado a um homem, cuja identidade não pode ser revelada em cumprimento à “Lei de Abuso de Autoridade”, mas moradores locais informaram que ele utilizava o espaço para guardar a mercadoria e não tinha muita intimidade com a vizinhança. Ao desconfiarem do movimento de carros chegando e saindo do local, informaram para a Polícia, que fez a apreensão da carga neste fim-de-semana. A população pode colaborar com a Polícia Civil fazendo qualquer tipo de denúncia através do número 197 (Disque-Denúncia). A ligação é gratuita e anônima e, mesmo que o denunciante queira se identificar, sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo.

Agricultura – equilíbrio entre processos e produtos

fernando.lamas@embrapa.br- A agricultura é fundamental para a sobrevivência do homem, especialmente quando o assunto é produção de alimentos. Mas não só isso; é da agricultura que vem boa parte da fibra utilizada para a produção de vestimentas, muitos dos remédios utilizados pelas diferentes civilizações, a bioenergia, além de matéria prima para a indústria de papel e celulose, de cosméticos, de pneus, de móveis, tintas, dentre outras. Um dos temas que mais preocupam a sociedade é a questão da segurança alimentar, tanto no seu aspecto quantitativo como no qualitativo. Garantir alimentos seguros para a humanidade é, talvez, um dos maiores desafios para todos os países do globo. Em termos de agricultura tropical, o Brasil é de longe o líder mundial. Tem-se tecnologia adequada, a partir de conhecimentos gerados em centros de pesquisa da Embrapa, das Universidades, das organizações estaduais de pesquisa e pela iniciativa privada e produtores rurais com alta capacidade empreendedora. Ao longo dos anos, para a maioria das espécies cultivadas, constata-se evolução significativa da produção, especialmente devido ao aumento da quantidade produzida por unidade de área. Melhorar a produtividade com sustentabilidade deve ser o foco central das atenções de todos aqueles envolvidos direta ou indiretamente com a agricultura. Este artigo tem, como ponto central, uma reflexão sobre os produtos utilizados na agricultura em contraste com modelos de produção menos demandantes de insumos externos. Em tempo não muito distante, além das sementes, utilizavam-se fertilizantes, inseticidas, fungicidas e herbicidas, principalmente, para o suprimento de nutrientes e o controle de pragas, doenças e plantas daninhas. Atualmente, produtos como os nematicidas, desfolhantes, maturadores, reguladores de crescimento, enraizadores, adubos foliares, aminoácidos, produtos para minimizar estresse abióticos como os efeitos de temperatura supra ótimas ou infra ótimas, para reduzir o impacto negativo de altas radiações e biopotencializadores de plantas, passaram a ser utilizados pelos agricultores brasileiros, visando otimizar a produção. Será essa a melhor estratégia? Não seria mais adequado o uso de processos que contribuam para minimizar os efeitos dos estresses quer de natureza biótica ou abiótica? Sistemas de produção mais diversificados, com rotação de culturas, com a inclusão do cultivo de espécies para produção de palha, são mais equilibrados. A palha sobre a superfície do solo contribui para amenizar os efeitos das altas temperaturas e mantém a umidade do solo. Palhas de determinadas espécies vegetais liberam para as culturas sucessoras potássio, nitrogênio, cálcio, magnésio, fosforo e enxofre, principalmente. Algumas espécies são importantes para o controle de nematoides (https://bit.ly/3tcgkPO). Hoje já se dispõem de cultivares de soja que são resistentes à ferrugem asiática e tolerantes ao percevejo. Com essas cultivares, menos fungicidas e inseticidas são utilizados. Assim, fica evidente que há muito conhecimento disponível que, sendo incorporados aos sistemas de produção, podem contribuir para a redução da quantidade de produtos que são utilizados na agricultura. Para se ter ideia do que isso representa em termos financeiros, segundo o Instituto Mato-Grossense de Economia Agrícola (IMEA), estima-se que do total de recursos demandados para o custeio de um hectare de algodão, aproximadamente 50% são com defensivos agrícolas (inseticidas, fungicidas, herbicidas e outros) (https://bit.ly/33b7yXT). A cultivar de algodão BRS 500 B2RF recentemente lançada pela Embrapa é resistente a ramulária, doença que normalmente exige grande quantidade de fungicidas em cultivares susceptíveis. Para o milho segunda safra, em Mato Grosso do Sul, inseticidas, fungicidas, herbicidas e adjuvantes correspondem a quase 17 % do custo variável, valor que também é muito alto (https://bit.ly/3b0l8lg). Além de impactar fortemente o custo de produção, o uso excessivo de produtos químicos pode contribuir para que a sustentabilidade da produção agrícola seja comprometida. Surgimento de plantas daninhas resistente a herbicidas, de insetos resistentes a inseticidas e fungos resistentes a fungicidas, muitas vezes se dá devido ao uso inadequado desses insumos, sejam eles de natureza química ou biológica.

Ações de segurança pública e tecnologias aplicadas no CE são temas de Seminário da Supesp

Durante dois dias, especialistas, estudiosos e profissionais da área da segurança pública se reuniram para trocar experiências sobre o segmento na 1ª edição do Seminário de Estratégia e Inovação em Segurança Pública. O evento, que ocorreu de forma virtual, por meio de plataformas digitais, foi promovido pela Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp), órgão vinculado à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Temas como “Segurança Pública baseada em Evidência”, “PReVio e Ceará Pacífico” e “Combate a Violência Contra a Mulher” foram explanados e debatidos durante a programação. A abertura do evento, que ocorreu na manhã dessa quinta-feira (27), contou com a participação do gestor da SSPDS, Sandro Caron, da vice-governadora do Estado, Izolda Cela, de convidados da área de segurança pública, além do titular da Supesp, Helano Nogueira. Antes dos inícios do trabalho, um vídeo institucional da Supesp foi apresentado. O superintendente deu partida ao ciclo de palestras com o tema “Segurança Pública Baseada em Evidências”, onde falou sobre a importância do órgão na produção de dados e estatísticas que dão suporte à construção de estratégias voltadas para os trabalhos desenvolvidos pelos profissionais de segurança em todo o Ceará. Sandro Caron, gestor da SSPDS, parabenizou a Supesp pelo evento e trabalhos desenvolvidos dentro do órgão. “Parabenizo em dobro todos os profissionais da Supesp. Primeiro pelo o aniversário de três anos e segundo pelo trabalho brilhante que vem sendo desenvolvido como uma nova forma de fazer segurança pública. É fundamental essa parceria dos nossos profissionais com cientistas, pesquisadores e professores, pois o nosso desafio sempre será o de convencer e mostrar à população a importância do uso de pesquisas e estatísticas para a definição de estratégias no combate à criminalidade”, disse ele. A vice-governadora, Izolda Cela, reiterou as palavras do secretário da SSPDS. “Faço minhas, as palavras do secretário Sandro Caron, no sentido de entender que quanto mais orgânica, fortalecida e demandada pelo serviço, a Supesp se tornará um vetor de força com mais qualidade e inteligência. É primordial sua importância e o papel que tem dentro da segurança pública. Dessa forma, continuará realizando um trabalho direcionado para as ações desenvolvidas em nosso Estado no que diz respeito ao combate aos crimes”, finalizou ela. O primeiro dia de programação contou com a mesa redonda “Novas tecnologias aplicadas na SSPDS”, onde foram debatidas as linhas de pesquisas aplicadas no órgão dentro do projeto Cientista Chefe. A live foi mediada pela perita criminal Manuela Cândido, que é diretora de Pesquisa e Avaliações de Segurança Pública (Dipas) da Supesp. Ela conversou com os cientistas chefes da SSPDS e Casa Civil, os professores doutores Emanuele Marques e José Macedo, além dos professores Dr, Fernando Trinta e Dr. José Paulo Rêgo, da Universidade Federal do Ceará (UFC).

domingo, 30 de maio de 2021

PMCE conduz 10 pessoas à delegacia por promover rinha de galo e resgata mais de 50 animais em Acaraú-CE

A Polícia Militar do Ceará (PMCE) conduziu à delegacia 10 pessoas por promoverem rinha de galos na tarde de ontem , 29, em Acaraú-CE. Cerca de 55 galos foram resgatados na ação e os responsáveis responderão por crime ambiental de maus tratos. Por volta das 13h00, equipe da 3ª Companhia do 11º Batalhão Policial Militar (3ªCIA/ 11º BPM) patrulhava no centro da cidade de Acaraú quando foi acionada, por meio do Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM), para averiguar denúncia de rinha de galo na localidade de Volta do Rio. A equipe foi até o juntamente com a composição do Comando de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (CPRAIO), e, ao chegar, os policiais militares se depararam com uma aglomeração. Os presentes foram abordados e foi constatado que estava acontecendo crime ambiental. Foi apreendido no local 55 galos com medicamentos e outros acessórios que caracterizava a rinha. O dono do estabelecimento, que também era o organizador, se evadiu com a chegada da polícia. Outro responsável e mais nove pessoas que participavam do evento foram conduzidas ao Distrito Policial. Na unidade de polícia judiciária foi registrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por crime ambiental, com base no artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais.

ACUSADO DE MAUS-TRATOS CONTRA IDOSA É PRESO EM FLAGRANTE COM DROGAS EM VARGEM GRANDE

Na manhã da última quinta-feira (27), uma ação da Polícia Civil do Maranhão no município de Vargem Grande resultou na prisão em flagrante de um homem de 22 anos pelo crime de tráfico de drogas. A Polícia Civil recebeu denúncias relatando que uma idosa estaria sofrendo de maus-tratos praticado pelo próprio neto no Povoado Paulica, Ao chegar ao local apontado na denúncia, os policiais civis encontraram cerca de 17 unidades de uma substância similar a maconha, além de um simulacro de arma de fogo. Diante dos fatos, o homem foi preso em flagrante e conduzido à Delegacia de Polícia de Vargem Grande para a lavratura do devido procedimento e posteriormente encaminhado à Unidade Penitenciária de Itapecuru-Mirim, onde permanecerá à disposição da justiça.

Projeto determina prazo de seis meses para que pessoa pega sem carteira possa ter aulas de direção

O Projeto de Lei 1188/21 só permite que a pessoa não habilitada pega dirigindo inicie o processo de obtenção da carteira de motorista seis meses após o flagrante. A proposta em análise na Câmara dos Deputados altera o Código de Trânsito Brasileiro. A ideia é estabelecer uma condição de igualdade com o candidato que, pego dirigindo sem a companhia do instrutor, tem suspensa por seis meses a Licença para Aprendizagem de Direção Veicular (LADV). A LADV é um documento emitido para candidatos a motorista após a aprovação na prova teórica sobre as normas de trânsito e autoriza a prática de direção veicular, como etapa da formação, exclusivamente na companhia de instrutor. “Não é razoável o candidato que busca os meios adequados para dirigir de acordo com a lei estar sujeito a uma penalidade maior do que aquele que nem mesmo procura regularizar sua situação e pode iniciar logo o processo para formação de condutores”, disse a autora, deputada Rosana Valle (PSB-SP). O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Viação e Transportes; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Categorias monomarcas Honda definem grid para as corridas de abertura

São Paulo (SP) – Está tudo pronto para o início da temporada 2021 nas categorias Honda Jr Cup e Copa Pro Honda CBR 650R. Direcionadas ao trabalho de base da motovelocidade, as classes definiram neste sábado (29/5) o grid de largada para as corridas da primeira etapa, marcadas para este domingo (30/5) na pista do Autódromo de Interlagos, em São Paulo (SP). A bateria da Honda Jr Cup terá início às 9h01, sendo que a da Copa Pro Honda CBR 650R será transmitida a partir das 12h15 pela Rede TV!. As corridas podem ser acompanhadas ao vivo por meio do YouTube Honda Motos Brasil e do Facebook Honda Racing Brasil. Atual campeão da Copa Pro Honda CBR 650R, o piloto Guilherme Brito foi o mais rápido da SuperPole - sessão que reuniu os 10 melhores pilotos dos treinos classificatórios para definir o grid de largada. “Começamos o ano com o pé direito, pole na primeira etapa, e nos esforçamos bastante para isso. Vou tentar fazer o melhor na corrida para conseguir uma estratégia boa, sair com a vitória e começar a temporada da melhor forma”, afirma. O tempo instável de Interlagos, que teve chuva pela manhã, sol, e clima nublado à tarde, foi uma dificuldade a mais para os atletas. “Pensei que fosse chover na Superpole, o que ia ser complicado, mas no fim o clima ficou seco e pudemos dar o melhor na pista. Espero que não chova na corrida, mas estou pronto para o que vier”, acrescenta Brito, que faz parte da Pro. A classe Light da Copa Pro Honda CBR 650R contou com o melhor tempo de Maurício Laranjeira, sendo que pela Master o destaque do dia foi Alexandre Colorado. Este é o segundo ano da Copa Pro Honda CBR 650R no SuperBike Brasil. O atual campeão da Honda Jr Cup também garantiu a pole position na primeira corrida. Guilherme Fernandes “Foguetinho” está motivado para acelerar. “Vamos com fé para a corrida, em busca da vitória e do bicampeonato. A pista estava bem gelada, um clima estranho, mas as condições dos treinos foram boas. Estou preparado para o seco e para a chuva na corrida, o clima vai fazer diferença no traçado.” O jovem piloto não sente pressão por defender o título. “Isso para mim não faz diferença. Quero que todos da categoria evoluam”, conclui. A Honda Jr Cup está em sua nona temporada e utiliza as motocicletas CG 160 Titan. A Honda Jr Cup e a Copa Pro Honda CBR 650R têm o patrocínio da Honda e da Pro Honda.





sábado, 29 de maio de 2021

Operação cumpre 20 mandados judiciais contra alvos investigados por tráfico de drogas no norte de MT

O saldo preliminar da operação apontava a prisão de oito pessoas por envolvimento com o tráfico de drogas na cidade, sendo seis homens e duas mulheres. A Polícia Civil de Mato Grosso deflagrou nesta sexta-feira (28.05) a Operação Tapurah Segura, com o cumprimento de 20 mandados judiciais de busca e apreensão e de prisão em repressão e investigação a diversos crimes ocorridos no município, especialmente o tráfico de drogas. Até o início da noite de sexta-feira, o saldo preliminar da operação apontava a prisão de oito pessoas por envolvimento com o tráfico de drogas na cidade, sendo seis homens e duas mulheres. Um adolescente foi apreendido por ato infracional análogo ao crime de tráfico de drogas e outra mulher presa por posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. Coordenada pelos delegados Marcello Maidame e Eugênio Rudy Jr., a operação contou com um efetivo de 44 policiais civis e militares e apoio de equipes da Gerência de Operações Especiais da Polícia Civil Cavalaria da PM e uma aeronave do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer). Durante as buscas domiciliares realizadas, os policiais civis e militares apreenderam apreendidas duas armas de fogo (tipo carabina) e diversas munições, além de porções de maconha e pasta base de cocaína, dinheiro e celulares.

CBG e Estácio celebram parceria que vai oferecer bolsas de estudo a atletas

Salvador, 28 de maio de 2021 - A Confederação Brasileira de Ginástica acaba de fechar uma parceria com a Estácio, uma das maiores e mais respeitadas instituições educacionais do Brasil. O acordo permitirá que bolsas de estudo em cursos universitários de graduação e pós-graduação sejam oferecidas a ginastas, treinadores de Seleções e colaboradores da CBG em todo o País. “Além de contribuirmos para a formação de grandes atletas, queremos oferecer ao mercado de trabalho do Brasil grandes profissionais, excelentes cidadãos. É por isso que nos orgulhamos muito dessa nova parceria que fechamos, com uma instituição de ensino com o porte e a respeitabilidade da Estácio”, afirma a presidente da CBG, Luciene Resende. “Sabemos que, para muitos estudantes, é difícil conciliar carreira e ensino. E, para os profissionais do esporte, não é diferente. Por isso, oferecemos aos nossos alunos o que a tecnologia pode entregar de melhor e a flexibilidade de diferentes modalidades. Acreditamos no esporte e, com essa parceria, esperamos que esses novos alunos conquistem, além de medalhas, o ensino superior” afirma Cláudia Romano, vice-presidente de Relações Governamentais, Comunicação e Sustentabilidade da Estácio. Com mais de 50 anos de tradição no ensino superior, a Estácio é pioneira no ensino digital e oferece acesso a um ensino de qualidade em larga escala. Na graduação, a Estácio possui diferentes formatos de ensino, elaborados para atender a cada perfil de estudante, incluindo atletas, que poderão escolher entre o ensino Presencial, Semipresencial, Digital ou Flex, de acordo com a sua necessidade. Segundo Henrique Motta, Coordenador Geral da CBG, a parceria vai render muitos frutos. “Essa iniciativa faz parte do programa de transição de carreira dos atletas, e contempla uma necessidade nossa, que é começar a construir o futuro dos ginastas. Além disso, colaboradores e treinadores das Seleções poderão aprimorar a formação. Com a equipe cada vez mais qualificada, teremos uma capacidade ainda maior de desenvolver a Ginástica Brasileira”. Aluna do curso de graduação em Educação Física da Estácio, Maria Eduarda Arakaki, a capitã da Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica, é testemunha do potencial transformador da parceria. “Ter a oportunidade de estudar enquanto ainda desenvolvo a carreira de atleta, que é muito curta, está sendo incrível. Quero continuar na área do esporte, na ginástica mesmo, quando parar de competir. A Estácio é extremamente importante para o nosso futuro”. Lucas Barbosa, um dos principais nomes da Ginástica Aeróbica do Brasil, é outro atleta que está se preparando academicamente. “Fazer faculdade é algo muito importante na vida de um atleta. A gente tem que pensar no pós-carreira, porque nosso corpo não aguenta ser ginasta para sempre. Ter uma profissão, portanto, é fundamental. Estou cursando Educação Física e vou poder continuar na área, como treinador, coreógrafo ou preparador físico. A bolsa, por meio dessa parceria da CBG com a Estácio, é algo que veio para mudar a minha vida. Agradeço às duas entidades por essa oportunidade”. A Estácio é uma das maiores incentivadoras do esporte no país, com o programa Estácio no Esporte. Atualmente, mais de 500 atletas e paratletas são apoiados por meio de bolsas de estudo. O programa promove alguns dos principais eventos esportivos do Brasil, além de manter parcerias com diversas ONGs e instituições esportivas. A Estácio, que também é signatária do Pacto pelo Esporte, conta com atletas como Chloé Calmon (surfe), Laís Souza (ex-atleta de ginástica), Daniele Hypólito (ginástica), Fernanda Keller (triatleta), entre outros.

Concurso Nacional de Qualidade de Cacau Especial do Brasil - R$ 24 mil em prêmios

Seguem abertas até o dia 30 de junho as inscrições para a terceira edição do Concurso Nacional de Qualidade de Cacau Especial do Brasil, que seleciona as melhores amêndoas produzidas no país. Um comitê técnico e júri de degustadores de chocolates farão as avaliações. Os produtores podem concorrer com lotes de uma única variedade do cacau especial ou na categoria de mistura de híbridos ou variedade genética. Os vencedores serão conhecidos em cerimônia realizada no mês de novembro e podem levar prêmios de até R$ 12 mil, além de certificado da premiação. O Concurso Nacional de Qualidade de Cacau Especial do Brasil busca fortalecer a cacauicultura brasileira, valorizando e reconhecendo produtores que fazem um trabalho diferenciado, bem como incentivar a sustentabilidade em todo o processo produtivo. A premiação é uma iniciativa conjunta da cadeia de cacau, apoiada pela Associação das Indústrias Processadoras de Cacau (AIPC), Centro de Inovação do Cacau (CIC), Dengo Chocolates, FAEB/SENAR, Harald, Mondelez – Cocoa Life, Nestlé – Cocoa Plan e SEBRAE e executada pelo CIC em parceria com a Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (CEPLAC). Mais informações no site www.omelhorcacaudobrasil.com.br.

sexta-feira, 28 de maio de 2021

Governo do Ceará lança edital para concurso da Polícia Civil com 500 vagas

O Governo do Ceará publicou, no Diário Oficial do Estado (DOE), desta quinta-feira (27), o edital de abertura do concurso público para o ingresso na Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE). O certame ocorre para os cargos de escrivão e inspetor. Todos os cargos são de nível superior. São 500 vagas imediatas, com o acréscimo de 1.000 para o Cadastro de Reserva (CR), que deverão ser convocados até 2022. O salário inicial para os dois cargos é de R$ 3.732,86. O edital da PCCE já contempla a cota de 20% das vagas destinadas a participantes negros, conforme a Lei nº 17.432, sancionada no dia 25 de março deste ano, no dia da Data Magna do Ceará. Na tarde de hoje, o governador Camilo Santana confirmou que autorizou a publicação do edital no DOE desta quinta-feira. Na postagem nas redes sociais, Camilo Santana reafirmou a autorização para concurso público visando o preenchimento de 500 vagas, sendo 400 para inspetores e cem para escrivães. Ainda em fevereiro deste ano, quando do anúncio de uma série de investimentos no âmbito da segurança pública, o governador reforçou a importância do concurso para a PCCE. De acordo com o delegado geral da PCCE, Sérgio Pereira, com o acréscimo no efetivo, será possível fortalecer o trabalho da polícia judiciária e dar celeridade nas investigações em andamento. “Com mais policiais civis teremos um reforço nas investigações e no trabalho de polícia judiciária, o que dará maior celeridade nas ações desenvolvidas pela PCCE, além do reforço nas delegacias, principalmente no Interior do Estado”, ressaltou o delegado geral.
Detalhes do certame - No total, serão 500 vagas (+ 1.000 Cadastro de Reserva), sendo 100 vagas (+ 200 CR) para o cargo de escrivão e 400 (+ 800 CR) para o cargo de inspetor de polícia. Os cargos possuem a remuneração inicial de R$ 3.732,86 (Três mil setecentos e trinta e dois reais e oitenta e seis centavos). A carga horária é de 40 horas semanais. Conforme o edital, para participar do concurso, o candidato deve ter o ensino superior, para ambos os cargos. Também é necessário ter idade igual ou superior a 18 anos. Não há limite de idade. As inscrições serão realizadas entre os dias 14 de junho e 19 de julho de 2021 pelo site do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan), instituição organizadora do certame. O valor da taxa de inscrição é R$ 150,00, para os dois cargos. Todo o processo contará com cinco fases, todas de caráter eliminatório: prova objetiva e discursiva; curso de formação e treinamento, exame de aptidão física; avaliação psicológica e investigação social. Para os cargos, a primeira fase com prova objetiva e discursiva está prevista para acontecer nas tardes dos dias 4 de setembro de 2021 (sábado), a prova para escrivão, e 5 de setembro de 2021 (domingo), para inspetor. As provas objetivas e discursivas ocorrerão na cidade de Fortaleza. Caso seja necessário, também poderão ser realizadas provas em algumas cidades da Região Metropolitana de Fortaleza.
Cotas - Uma novidade e ao mesmo tempo um grande marco histórico para este concurso da PCCE e os demais concursos públicos do Ceará é a implementação de 20% de cotas raciais destinadas a pessoas negras. A Lei nº 17.432, de 25 de março de 2021, foi sancionada pelo governador Camilo Santana, no dia em que marca a Data Magna de Abolição dos Escravos do Ceará. O Estado do Ceará foi a primeira província do Brasil a libertar seus escravizados, no dia 25 de março de 1884. Também são destinadas 5% das vagas, total do concurso, para pessoas com deficiência. Conforme o pronunciamento realizado pelo governador Camilo Santana, no dia em que sancionou a Lei de Cotas, a medida faz parte do projeto de reparação histórica. . Edital completo aqui. - Para mais informações, o edital está disponível no endereço: http://www.idecan.org.br

Harvard anuncia professores da Uesc entre os vencedores do Fundo de Pesquisa Lemann

Professores da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) estão entre os vencedores do concurso 2021 do Fundo de Pesquisa Lemann Brasil. A informação foi publicada no The Harvard Gazette pelo Gabinete do Vice-Reitor de Pesquisa e o Gabinete do Vice-Reitor de Relações Internacionais que anunciaram os resultados do concurso para os prêmios do Fundo de Pesquisa Lemann, Brasil. Com o trabalho “Alta incidência de Sars-CoV-2 em Ilhéus, Bahia: fatores de risco biológicos ou epidemiológicos?” coordenado por Galit Alter, professor associado de medicina na Harvard Medical School (HMS); George Daley, reitor do HMS e Caroline Shields Walker, professora de medicina; e David Golan, reitor de Operações de Pesquisa e Programas Globais, George R. Minot Professor de Medicina e professor de química biológica e farmacologia molecular do HMS, com os colaboradores: Luciana Debortoli de Carvalho, Maysa M. Sodré, Carla Cristina Romano, Rachel Passos Rezende, Aline O. da Conceição (Universidade Estadual de Santa Cruz); Julio Lenín Díaz Guzmán (Universidade Estadual de Santa Cruz e Hospital de Ilhéus); Camila P. S. da Mata (Hospital Risoleta Tolentino Neves); Caio T. Fagundes (Universidade Federal de Minas Gerais); e Ana Tereza Vasconcelos (Laboratório Nacional de Computação Científica) venceram o concurso e foram elogiados pelos diretores da Universidade Harvard, nos Estados Unidos. “Ficamos bastante impressionados com a qualidade das solicitações recebidas. Estamos entusiasmados em ver que esses projetos desenvolvidos, muitos deles, se concentram em encontrar soluções para a pandemia Covid-19, que continua a persistir no Brasil. Somos muito gratos à Fundação Lemann por tornar esses importantes projetos possíveis,” ressaltou o vice-reitor de pesquisa e professor de ciência e engenharia de materiais, Rick McCullough. O vice-reitor de Assuntos Internacionais, Mark Elliott, enfatizou a importância dos Fundos Lemann, observando que “Nunca foi tão evidente que a colaboração e descoberta internacional são uma parte crucial da criação de um futuro saudável e próspero para todo o mundo”. Estabelecido em 2016 por uma grande doação da Fundação Lemann, o Fundo de Pesquisa Lemann Brasil apoia a pesquisa referente ao Brasil em todas as áreas relacionadas à educação, bem como a pesquisa em qualquer outra área disciplinar realizada por pesquisador brasileiro. Vários outros projetos envolvendo pesquisadores do Brasil foram contemplados.

Conselho Universitário da Uesc autoriza atividades presenciais restritas

O Conselho Universitário da Universidade Estadual de Santa Cruz (Consu/Uesc), em sua 56ª reunião extraordinária, autorizou, em caráter excepcional, a oferta, na forma presencial para o segundo semestre deste ano de 2021, dos componentes curriculares com carga horária prática que comprovem e justifiquem a inviabilidade de oferta no ensino não presencial, resultando em retenção de alunos, mediante indicação de plano de ação pedagógico aprovado pelos colegiados. Contudo, a autorização se restringe aos cursos de graduação de Biomedicina, Ciência Biológicas (Bacharelado e Licenciatura), Enfermagem, Medicina, Medicina Veterinária, Agronomia, Química (Bacharelado e Licenciatura), Engenharia Elétrica, Engenharia Química, Engenharia de Produção e Engenharia Civil. Serão 95 disciplinas que serão ministradas de acordo o Protocolo de Segurança criado pela Comissão de Biossegurança e a legislação sanitária em vigor. O documento será encaminhado para normatização no Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - Consepe. A Pró-reitora de Graduação, Rosenaide Ramos, relatora da resolução, começou a sua fala solidarizando-se com as mais de 450 mil famílias que perderam seus entes queridos. “Eu sou a favor da vida e coloquei, muito claramente para os alunos, uma vida importa e a Uesc não vai trabalhar o número de vidas perdidas, mas por uma vida que não pode ser perdida. Assim é direcionado o nosso trabalho, a nossa sensibilidade. Essa humanidade é muito maior do que um processo administrativo, acadêmico e burocrático, é dessa forma que nós estamos trabalhando". A reunião foi encerrada pelo presidente do Consu e reitor da Uesc, Alessandro Fernandes, para quem “de maneira inequívoca a decisão tomada visa, em primeiro lugar, a segurança e a vida das pessoas. O Consu é a instância máxima da Universidade, aqui todos nós primamos pela vida das pessoas”, conclui o reitor.

Vereadores Luiz Jr e Wilma reivindicam vacina para profissionais de imprensa em Itabuna

Os vereadores Luiz Júnior da Saúde (DC) e Wilma (PCdoB) apresentaram na Câmara de Itabuna um pedido de providências ao Executivo e, sobretudo, à Secretaria de Saúde, para inclusão dos profissionais de imprensa entre os grupos prioritários a serem vacinados contra Covid-19. A principal justificativa deles é o fato de tais homens e mulheres, de variadas idades, estarem entre as categorias diariamente expostas à infecção. “Vejo que esses profissionais não pararam. Estão na linha de frente, como enfermeiros, auxiliares de enfermagem... Temos que valorizar o trabalho desses profissionais; a comunicação é um serviço essencial”, disse o vereador. Ambos já haviam conversado com a secretária de Saúde, Lívia Mendes, sobre o assunto. Wilma lembrou que são constantes as reivindicações para inclusão de novos grupos entre as prioridades, o que leva os edis a serem vozes das mais diversas categorias ávidas pela imunização. “Nossa opinião é que todos deveriam se vacinar de imediato, mas não é a realidade do nosso Brasil. Portanto, estão sendo estabelecidas as prioridades, considerando as atividades desenvolvidas. Os jornalistas estão fazendo a cobertura de todas as informações no nosso Brasil, nossa Bahia e nossa cidade. Não pararam, estão [também] expostos. Houve uma mobilização a nível de estado e estamos felizes por contribuir”.

quinta-feira, 27 de maio de 2021

Uesc discute parceria com a Prefeitura de Itabuna - Será assinado um termo de Cooperação Técnica

Uma parceria entre a Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) e a Prefeitura de Itabuna vai possibilitar a elaboração e execução de projetos por meio de uma cooperação mútua que vise o desenvolvimento social e econômico, garantindo, com isso, a melhoria na qualidade de vida da população. O assunto foi discutido em uma reunião, na Reitoria da UESC, com o reitor Alessandro Fernandes, o vice-reitor Mauricio Mareau, o pró-reitor Neurivaldo, a assessora institucional da Reitoria, Acácia Pinho, o prof. Raimundo Bonfim e o secretário de Indústria, Comércio, Emprego e Renda (Sicer) de Itabuna, Ricardo Xavier. O reitor Alessandro Santana, destacou “a importância e o papel da UESCque está cada vez mais aberta à sociedade. A Universidade tem ampliado o seu leque de atuação junto à sociedade regional buscando contribuir para o soerguimento econômico da região Sul da Bahia”. No próximo encontro será assinado um termo de Cooperação Técnica pelas duas instituições. Ricardo Xavier destaca que o desenvolvimento socioeconomico de uma cidade deve ser um dos principais objetivos a ser alcançado, e isso será possível por meio de parcerias, “pois numa administração municipal onde tudo é uma prioridade, precisamos de apoios importantes como este entre o município e a UESC”. O secretário disse ainda que o prefeito de Itabuna, Augusto Castro, tem buscado parcerias em todas as esferas por considerar que a união de esforços contribui decisivamente para a execução de projetos, obras, ações sociais e econômicas e, consequentemente, a melhoria da qualidade de vida da comunidade.

POLÍCIA PRENDE GAROTA DE 18 ANOS COM DROGAS E DUAS MOTOS ROUBADAS

Uma jovem de 18 anos foi presa em flagrante delito na tarde desta quarta-feira (26) durante a operação “Arlequina”, deflagrada pela Polícia Civil da Paraíba. A ação ocorreu no Bairro das Indústrias, em João Pessoa, e foi realizada por equipes da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas de João Pessoa (DRFVC/JP). Segundo informações do delegado Getúlio Lira Machado, no momento em que foi abordada pelos policiais, a jovem estava com a posse de maconha e cocaína. Durante buscas feitas na casa dela, a Polícia ainda encontrou uma arma de fogo. A moça foi flagrada no momento em conduzia uma motocicleta Honda/Pop, de cor branca, com a placa QSG3169/PB. No entanto, após investigações, os policiais descobriram que a placa era falsa. Ela havia sido adulterada e a numeração correta era QSH5118/PB. A moto constava com roubada nos sistemas usados pela Polícia. A mulher foi conduzida à delegacia e autuada por prática de crimes de tráfico de drogas, receptação de veículo roubado e posse ilegal de arma de fogo. Ela será interrogada e conduzida ao sistema prisional. Durante a operação, os policiais ainda conseguiram localizar outra moto tomada por assalto. O veículo de modelo Lander de cor Azul possuía placa DPH4128/PE e também apresentava sinais de adulteração. Ela foi apreendida, será submetida a perícias e, em seguida, devolvida ao legitimo dono.

Câmara conclui votação de MP sobre telecomunicações

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou parcialmente emenda do Senado ao texto da Medida Provisória 1018/20, que reduz encargos para estações terrenas de internet por satélite. A matéria também altera regras de aplicação de recursos do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust) e concede isenção de tributos sobre plataformas de streaming. Inicialmente, a MP apenas reduzia três encargos incidentes sobre as estações terrenas de pequeno porte ligadas ao serviço de internet por satélite. Entretanto, o deputado federal Paulo Magalhães (PSD-BA), relator da matéria na Câmara, apresentou um PLV (projeto de lei de conversão) que promoveu profundas alterações na medida provisória original. Os senadores propuseram a retirada de todas as mudanças feitas no Fust, como a redução do recolhimento de contribuições ao fundo por parte das operadoras de telecomunicações que executarem programas de universalização aprovados pelo conselho gestor e com recursos próprios. A emenda foi rejeitada. Entretanto, a partir de destaque do DEM, defendida em plenário pela deputada Professora Dorinha (TO), tanto a oposição quanto a base aliada ao governo concordaram em retirar do texto o trecho sobre o direcionamento menor de recursos do fundo para a educação pública. Para a deputada federal Alice Portugal (PCdoB-BA), o Senado reconheceu que os 18% do Fust para a educação é algo indispensável e que esta era uma matéria estranha na medida provisória. “Na verdade, os 18% garantem antenas de pequeno porte, garantem a informatização e a conexão das escolas”, afirmou. A deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) destacou que o texto do Senado garantiu pelo menos que uma área fosse protegida, a educação. “Infelizmente, permaneceu o prejuízo ao cinema brasileiro, porque permaneceu a isenção do Condecine para as grandes multi e os grandes players. No entanto, para a educação reduziu o dano”, disse. A MP será enviada à sanção presidencial. Outra matéria analisada pelos deputados nesta quarta-feira (26) foi a Medida Provisória 1023/20, que reduz de meio salário mínimo para até 1/4 de salário mínimo a renda mensal per capita para acesso ao Benefício de Prestação Continuada (BPC). O benefício é pago para idosos e pessoas com deficiência de baixa renda. Em 2013, o Supremo Tribunal Federal (STF) considerou inconstitucional o trecho da Lei Orgânica de Assistência Social (Loas) que define como critério para concessão do BPC a renda média familiar de 1/4 do salário mínimo por considerar que “esse critério está defasado para caracterizar a condição de miserabilidade”. Mas a Corte não declarou nula a norma, e somente aqueles que entram na Justiça conseguem obter o benefício se a renda for maior que a prevista na lei. A Bancada do PCdoB tentou manter a renda mensal de meio salário mínimo como regra, mas a emenda não foi aprovada. Segundo o deputado federal Orlando Silva (PCdoB-SP), a proposta do partido tinha como objetivo “acolher a velhice, os idosos e as pessoas com deficiência, para ajudar quem mais precisa, aumentando o universo dos beneficiados pelo BPC”. “Nós votamos esse texto no ano passado. E o presidente da República, o genocida Bolsonaro, insensível às dificuldades do povo, vetou essa modificação que estabelecia um salário mínimo e meio de renda per capita como referência para o pagamento do Benefício de Prestação Continuada”, lembrou. A Câmara aprovou também a Medida Provisória 1029/20, que desobriga os órgãos públicos de celebrarem contrato de trabalho com os tripulantes (pilotos e mecânicos de voo) de aeronaves privadas contratadas para a realização de missões institucionais ou o exercício do poder de polícia. A lei em vigor determina que os pilotos e mecânicos de voo devem ter vínculo empregatício com o operador da aeronave, não podendo exercer a atividade de forma terceirizada.
Por Walter Félix - Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

OPERAÇÃO INTEGRADA ENTRE A POLÍCIA CIVIL E MILITAR FECHA O CERCO CONTRA TRÁFICO DE DROGAS NA VILA LUIZÃO

Uma mega operação foi deflagrada na manhã da última quarta-feira (26), pela Polícia Civil e Militar do Maranhão objetivando combater o crime de tráfico de drogas no bairro da Vila Luizão, em São Luís. Na ocasião, quatro pessoas foram presas por tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menores, e cerca de 35 papelotes de maconha, 5 porções de maconha, 300 (trezentos) gramas de pasta base, além de apetrechos para o tráfico foram apreendidos. A operação foi coordenada pelo 7º Distrito Policial do Turú e 1ª Companhia Independente da Polícia Militar com apoio do 13º DP do Cohatrac e 20º DP do Parque Vitória. Os presos foram conduzidos para o 7º DP do Turú, onde foram autuados e encaminhados ao Centro de Triagem de Pedrinhas.

Última apresentação de maio do espetáculo "IntimIDADES" acontece dia 29

A última apresentação de maio do espetáculo "IntimIDADES", do Teatro Popular de Ilhéus, acontece neste sábado, dia 29 de maio, às 20 horas. A performance busca refletir sobre os conflitos que o tempo nos impõe, abrindo uma janela num diálogo entre passado, presente e futuro. Logo após a apresentação, ainda acontece um bate-papo das atrizes Tânia Barbosa, Iara Colina e Mãe Ilza Mukalê com o público, tudo com acessibilidade em Libras pelas mãos da intérprete Sara Oliveira. A transmissão é feita via Zoom, e os ingressos são gratuitos, devendo ser adquiridos através do link www.sympla.com/teatropopulardeilheus. E quem quiser contribuir para que o Teatro Popular de Ilhéus realize o sonho de construir sua sede própria pode adquirir um ingresso pago no Sympla, ou colaborar diretamente via Pix, no CNPJ 05.348.041/0001-97. O projeto tem apoio financeiro da Prefeitura de Ilhéus através da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, Edital Arte Livre, via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.

Reinvenção no ponto: Produtora baiana lança edital de apoio aos jovens empreendedores do ramo cultural

A Aldente Produções lança o edital “Incubadora de Ideias”, que estará aberto entre os dias 29 de maio e 30 de junho. Através dele, serão selecionados projetos de estudantes dos cursos de produção cultural e/ou profissionais que atuem no mercado de eventos há no máximo 3 anos. A curadoria será feita por especialistas da área: Alex Pinto da Guarda, produtor musical e gestor de carreiras de grandes nomes da música baiana, como ÀTTØØXXÁ e Afrocidade, a produtora cultural Fernanda Bezerra, que atua como gestora da Maré Produções Culturais, hub baiana de cultura e inovação, e ainda Itala Herta, consultora e empreendedora social, fundadora da DIVER.SSA e cofundadora da aceleradora baiana Vale do Dendê, a primeira aceleradora de negócios focada em diversidade do Nordeste. O edital tem como parceiros LUMINUS CONSULTORIA, TORTO PROJETOS e Rafaela Pitta Magalhães, aluna do curso de Produção Cultural da UFBA. Serão dois projetos selecionados, e ambos contarão com uma consultoria completa da equipe Aldente para a realização, além de receberem o espaço do Trapiche Barnabé, local histórico para a cultura soteropolitana, como pauta gratuita para realização do evento. O desafio dos escolhidos será trazer soluções e ideias de produção que se adequem aos obstáculos da pandemia para o setor, sendo uma proposta para o ambiente online e outra com participação do público espectador. O esperado pelos curadores são ideias que tragam a inovação como ponto base de sua proposta. “Estamos vivendo um momento de grandes desafios no setor de cultura e entretenimento, mas estamos confiantes na capacidade de reinvenção do mercado. A pandemia e a atual situação econômica do país nos impulsionam para refletir e agir sobre as mudanças que o tempo nos pede”, afirma Anderson Rosenberg, fundador e gestor da empresa. A ideia do edital “Incubadora de Ideias” veio através da celebração dos 15 anos de mercado da Aldente Produções. Sendo assim, a maior comemoração de sua trajetória será o investimento em novos talentos e novas soluções para ultrapassar o cenário atual. “Esse edital é de suma importância para o momento em que estamos vivendo dentro da produção cultural, porque ele dá a oportunidade para que jovens empreendedores do ramo da cultura possam trazer seus projetos, inovar e mostrar todo seu potencial com o apoio de uma equipe que possui 15 anos de experiência”, destaca Rafaela Pitta Magalhães, parceira de elaboração do edital. Para acessar o edital completo, basta clicar no link: shorturl.at/sxL29 - Anderson Rosemberg <anderson@aldenteproducoes.com.br

quarta-feira, 26 de maio de 2021

FUNCIONÁRIA JOGA CAFÉ NA CARA DE COLEGA E RECEBE JUSTA CAUSA

Uma funcionária de uma padaria em Belo Horizonte-MG recebeu justa causa após jogar café na cara de colega em discussão verbal. A juiza Nara Duarte da 12ª Vara do Trabalho manteve a decisão e recusou recurso da agressora baseado no Boletim de Ocorrência e pautada no artigo 482 da CLT. A justa causa é a pena máxima trabalhista, deve ser provada sem que restem qualquer dúvida da má conduta do empregado. A juíza entendeu que "O conjunto probatório indica que a conduta da autora possui gravidade suficiente a ensejar o rompimento do contrato de trabalho por justa causa". IMAGEM MERAMENTE ILUSTRATIVA

Polícia Civil realiza “Operação Infractio” para apreensão de adolescentes

Nas primeiras horas da manhã de hoje (25), a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) iniciou a “Operação Infractio”, que em latim significa infração, com o objetivo de cumprir mandados de busca e apreensão em desfavor de adolescentes em conflito com a lei. A ação é realizada em Fortaleza e sua Região Metropolitana. Detalhes da ação policial foram divulgados no final da tarde de hoje, em coletiva de imprensa, na sede da Superintendência da Polícia Civil, no Centro de Fortaleza. No total, 12 adolescentes foram capturados. Os alvos têm idades entre 15 e 17 anos. Eles são investigados em atos infracionais de maior potencial ofensivo, como homicídios, receptação, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e crimes contra o patrimônio. Foram apreendidos adolescentes nos bairros Antônio Bezerra, Autran Nunes, Barra do Ceará, Jardim Guanabara, Conjunto José Walter, Padre Andrade, Parque Genibaú, Pirambu, Presidente Kennedy e Vila Velha, em Fortaleza, e no bairro Alto Alegre II, em Maracanaú. “Os alvos dessa primeira fase da operação foram selecionados conforme reiteração. O que podemos observar é que a grande maioria possui mais de duas passagens pela Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA)”, observou a delegada Rena Gomes, diretora de Proteção aos Grupos Vulneráveis da PCCE. O delegado geral da PCCE, Sérgio Pereira, também ponderou sobre a relevância da operação deflagrada hoje. “Esses jovens, esses adolescentes que estão em conflito com a lei precisam ser retirados da sociedade, para dar um maior tranquilidade aos cidadãos. Infelizmente, eles praticam esses atos infracionais e precisamos sim passar por uma ressocialização. Ressalto que, em breve, daremos continuidade nesta e em outras operações aqui na Capital e Interior do Estado”, finalizou o delegado geral.

Polícia Civil desmancha laboratório de drogas em São Gonçalo do Amarante

Policiais civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado deflagraram, nesta sexta-feira (21), uma operação com objetivo de prender suspeitos pelo tráfico de drogas e desmanchar um laboratório de drogas. Na ação, realizada na cidade de São Gonçalo do Amarante, foram presos Felipe Erick Alves da Silva, conhecido como "Aleijado", 26 anos, e José Luiz Silva do Nascimento, conhecido como "Zé Gordinho", 26 anos. Durante as diligências, foram apreendidos em posse dos suspeitos um revólver calibre 38 roubado de uma empresa de segurança, com seis munições intactas, aproximadamente 100kg de drogas (entre "crack", cocaína e misturas), além de formas, balança de precisão, prensa e papel filme. Felipe Erick e José Luiz foram conduzidos à DEICOR, para autuação em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse ilegal de arma de fogo. Em seguida, eles foram encaminhados ao sistema prisional, onde ficarão à disposição da Justiça.

terça-feira, 25 de maio de 2021

Forças de Segurança e órgãos parceiros integram primeira edição da Operação Apostos no Interior do Estado


Com o intuito de combater as ações criminosas referentes aos Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP) e os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), as forças de segurança do Estado chegaram à cidade de Sobral para desencadear a primeira edição da Operação Apostos no Interior do Ceará. Órgãos de segurança, trânsito e fiscalização estaduais e do município de Sobral realizam saturações e ações de fiscalização pelas principais vias do município da região Norte, nessa segunda (24) e terça-feira (25). O aparato mobilizado para os trabalhos envolve mais de 100 servidores nas ações integradas. As ações ostensivas da Apostos ocorrem em locais e horários escolhidos com base no mapeamento de áreas estratégicas a partir de dados extraídos pela Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública do Estado do Ceará (Supesp) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). O objetivo da operação no município é combater as ações criminosas nas regiões onde são registrados os maiores índices de crimes contra a vida – Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) – e contra o patrimônio, os Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP). Outro foco das ações é aprimorar um diagnóstico dos tipos de ocorrências em cada área e definir estratégias para a prevenção e combate ao crime. A operação é organizada pela Coordenadoria Integrada de Planejamento Operacional (Copol) da SSPDS e conta com a participação de órgãos vinculados da SSPDS e parceiros. Em Sobral, as ações contaram com apoio da Coordenadoria de Inteligência (Coin) e da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), ambas da SSPDS; além da Polícia Militar do Ceará (PMCE), Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE), Departamento Estadual de Trânsito (Detran), órgãos de segurança do município.

Ronei Jorge lança “Irmã” em 28 de maio

O cantor e compositor baiano Ronei Jorge lança nesta sexta-feira, 28 de maio, o seu segundo álbum solo, “Irmã”, que será disponibilizado nas plataformas digitais. Duas parceiras fundamentais da trajetória do artista assinam a produção musical, numa criação afiada a seis mãos, ainda que à distância e de dentro de casa: as cantoras, compositoras e produtoras também baianas Andrea Martins e Livia Nery. Das circunstâncias do isolamento social impostas pela atual realidade pandêmica, revela-se a afinidade entre eles, além de cuidado, expectativa, sonho e variadas sensações que o desconhecido desperta. A data será festejada com uma live de audição comentada por Ronei, às 19h, na sua página de Instagram (www.instagram.com/roneijorge). Partindo da canção brasileira e de sua riqueza harmônica e melódica – característica marcante da obra de Ronei –, este novo disco incorpora camadas eletrônicas, que, com sutileza, chegam a serviço da música, da letra e da voz, abraçando a instrumentação orgânica de violões, guitarra, baixo e vocais. “A sonoridade eletrônica já fez parte de meu trabalho primeiramente, há muito tempo atrás, com Gilberto Monte, num projeto chamado Clube do Silêncio, e, anos depois, com João Meirelles e Lia Cunha, quando criamos o Tropical Selvagem. Nestas experiências, o processo era centrado em um produtor/arranjador trabalhando em cima de minhas canções. Agora, em ‘Irmã’, com Andrea e Livia, as canções ficaram mais em primeiro plano, realçadas, muito por conta de elas duas também serem compositoras de canções, sem que deixassem de propor arranjos muito inteligentes, criativos, elaborados”, detalha Ronei. “O disco não fala de um tema específico, mas, sem dúvida, o nascimento de meu filho influenciou de alguma maneira parte das letras e das músicas. Sinto relação com a infância. A criança tem muito futuro, o mundo todo pela frente. E por existir futuro, há esperança, expectativa e medo”, revela ele. Em 2018, Ronei se reinventou numa nova estreia, com o trabalho solo lançado no CD “Entrevista”, também com produção de Pedro Sá e incluído nas listas da Rolling Stone e da Bravo! entre os melhores do ano, chegando a festivais como Bananada, Levada e Digitália. Agora, Ronei lança seu segundo disco solo, “Irmã”, com produção de Andrea Martins e Livia Nery.

MORRE BEBÊ ESCONDIDO EM CASA - MÃE DE 11 ANOS SOFREU ABUSO AOS 9 ANOS

Um bebê de apenas um mês de idade foi encontrada morta na cidade de Jequié, no sudoeste da Bahia, fato ocorrido no último dia 22. Vizinhos teriam acionado um pedido de socorro, o Samu se deslocou a uma residência onde já encontrou a criança sem sinais vitais, mas ao perceber que a mãe era uma criança de apenas 11 anos de idade a polícia foi acionada e uma investigação foi aberta. A constatação é de provável morte natural do bebê que não tinha nenhum registro de nascimento em hospitais ou maternidades da região a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) de Jequié, assumiu as investigações por se tratar de uma criança que foi estuprada aos 9 anos de idade, já que, segundo da lei, não pode haver consentimento quando se trata de relações sexuais com menores de 14 anos.

Embrapa atualiza fruticultores com dados dos mercados de manga e uva

Buscando atender às demandas de fruticultores do Vale do São Francisco, a Embrapa Semiárido criou dois observatórios de mercado, um para manga e outro para uva, as duas principais frutas produzidas na região. Ambos têm como objetivo oferecer subsídios que auxiliem a tomada de decisão estratégica dos produtores. Para tanto, são disponibilizadas informações de preços, na forma de gráficos, o que ajuda na compreensão da evolução do comportamento do mercado interno, externo e dos valores das exportações. O  Observatório do Mercado da Manga  foi implantado em 2020, totalizando cerca de 40 análises disponibilizadas ao longo do ano. Já o  Observatório do Mercado da Uva  teve início em abril de 2021. A iniciativa partiu dos próprios produtores que, ao acompanhar os dados da manga, solicitaram, através do Sindicato Patronal, que o mesmo trabalho fosse replicado para contemplar a viticultura.  O pesquisador João Ricardo Lima, responsável pelos observatórios, explica que os dados são importantes para análises de curto, médio e longo prazo na produção dessas frutas. “Em curto prazo, vão ajudar a entender a situação atual, em médio prazo ajudam a tomar as decisões de comercialização da safra e, em longo prazo, estimulam o debate sobre a sustentabilidade da cultura no Vale do São Francisco”.  Além disso, os observatórios podem contribuir na gestão de negócios. “Hoje em dia a fruticultura exige profissionalismo, o produtor precisa se transformar em empresário rural, ou seja, se preocupar não só com a produção em si, mas também com a gestão do seu negócio”, observa o pesquisador. Para a criação do segundo observatório, João Ricardo afirma que o diálogo com os produtores foi essencial para entender suas demandas específicas. “Os produtores de uva acharam uma iniciativa importante e interessante, então foi conversado com eles o melhor formato do material, o tipo de informação que desejavam receber e quais delas nós poderíamos atender, e o resultado final ficou tão bom que modificamos o formato do material enviado para os produtores de manga”. Mesmo sendo criado recentemente, o Observatório da Uva já vem recebendo bom retorno dos usuários. “Além de serem disponibilizados no site da Embrapa, os dados circulam em redes sociais e aplicativos diversos, e felizmente recebemos mensagens dos produtores agradecendo pelas informações”, comenta o pesquisador.     “O Vale é rico em informações agronômicas da fruticultura e a gente vem agora complementar também com informações econômicas. Por isso, toda semana tudo é recalculado, atualizado, e com isso esperamos contribuir para o fortalecimento e sustentabilidade do setor que gera tanto emprego e renda na região, e ajuda a sustentar tantas famílias”, completa João Ricardo. Dados analisados Os Observatórios do Mercado da Manga e da Uva disponibilizam mensalmente relatórios sobre o mercado externo, trazendo informações como o volume exportado, receita de exportação e preço, com dados de mínimo, máximo, média e os valores do ano corrente.  Também contemplam o mercado interno, com a disponibilização semanal de dados como o preço mais baixo encontrado, o máximo, a média dos últimos anos, do ano anterior e o preço da semana corrente. Para a manga são sondadas as variedades Tommy e Palmer, com base em dados do período de janeiro de 2012 até o presente. Para a uva são tratadas as variedades Arra-15 e BRS Vitória, utilizando dados de janeiro de 2017 até o presente. Para o mercado externo, ambos os observatórios utilizam as bases de dados do ComexStat, do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços. Já para o mercado interno a fonte utilizada é o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da Universidade de São Paulo (Cepea/USP).   Acesse aqui: Observatório do Mercado da Manga - www.embrapa.br/observatorio-da-manga Observatório do Mercado da Uva  - www.embrapa.br/observatorio-da-uva

Ilheense Marailton Jardim é campeão Baiano pelo Atlético de Alagoinhas

Marailton Jardim é um prepador físico profissional conhecidissimo, tendo trabalhado em vários clubes da Bahia, inclusive no Colo Colo de Ilhéus. Trabalhou também em outros estados da federação. Graduado em Educação Física pela Faculdade Monte Negro, chegou com a sua experiência e vontade à Alagoinhas em 2020 e, juntos com seus companheiros levam o Atlético pela primeira vez ao título Baiano de Futebol profissional 2021. Na tarde/noite deste domingo, 23, o Atlético venceu o Bahia de Feira, 3 x 2, na Arena Cajueiro, em Feira de Santana. Com o título, o Atlético de Alagoinhas se credencia ao próximo Campeonato Brasileiro série D, campeonato do Nordeste e Copa do Brasil. Sucesso ao Carcará, sucesso a Marailton Jardim. FutebolElias Reis

Instituto Ronald McDonald em parceria com o GACC Sul Bahia ampliam conhecimento sobre o câncer infantojuvenil na região

De acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), no Brasil, hoje, as chances de cura do câncer em crianças e adolescentes são de 64%. Nos países com alto Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), os índices de cura podem chegar a 80%. Com objetivo mudar esse cenário no país, o Instituto Ronald McDonald, em parceria com o Grupo de Apoio à Criança com Câncer - GACC Sul Bahia, leva o Programa Diagnóstico Precoce, já realizado em mais de 10 estados brasileiros, para as regiões Sul, Extremo Sul e Sudoeste da Bahia na modalidade online. O projeto tem como objetivo de contribuir com o aumento da identificação precoce da doença em crianças e adolescentes por meio de capacitações de profissionais da Atenção Básica de Saúde, pediatras da rede SUS e privada, além de estudantes de medicina e de enfermagem para que possam desenvolver o olhar especifico para suspeitarem da doença e saberem como encaminhar para o diagnóstico, contribuindo também com a organização da rede de saúde na localidade. Dra Teresa Cristina Fonseca, vice diretora executiva do Grupo destaca que essa é uma grande e importante parceria para a saúde do estado da Bahia: “Por conta do cenário pandêmico em que estamos vivendo, esta é a primeira vez que realizaremos o projeto 100% online. Mas, também é uma oportunidade para que um maior número de profissionais possam participar já que não teremos a limitação geográfica e o projeto será gratuito. Um importante treinamento para os profissionais de saúde do nosso Estado”, afirma. Há 22 anos, o Instituto Ronald McDonald atua com a missão de promover saúde, bem-estar e qualidade de vida para crianças e adolescentes antes, durante e após o tratamento da doença, aumentando as chances de cura do câncer infantojuvenil através de diversos projetos pelo Brasil, como o Diagnóstico Precoce do Câncer Infantojuvenil. “O tempo entre a percepção de sinais e sintomas do câncer e a confirmação do diagnóstico são fundamentais para aumentar as chances de cura da doença. No Brasil, esse intervalo ainda é longo, o que leva muitos pacientes a chegarem ao tratamento já em fase avançada da doença, dificultando as chances de cura e os resultados positivos de tratamento, além do risco de deixar muitas sequelas nos pequenos pacientes. Por isso, com foco em levar conhecimento e formação especializada aos profissionais de saúde, desenvolvemos o Programa Diagnóstico Precoce”, destaca Francisco Neves, Superintendente do Instituto Ronald McDonald. Acesse: www.institutoronald.org.br/.

segunda-feira, 24 de maio de 2021

Polícia Militar realiza a maior apreensão de drogas em Santa Rita e apreende 164 tabletes de maconha


A Polícia Militar realizou a maior apreensão de drogas na área do município de Santa Rita, e desarticulou um ponto de tráfico. A ação aconteceu no fim da tarde desta quinta-feira (20) resultando na apreensão de 164 tabletes de maconha. Policiais da Força Tática do 7º Batalhão, durante atividades preventivas, receberam informações e chegaram até uma casa desocupada, usada como ponto de tráfico, localizando 164 tabletes de substância semelhante à maconha (foto abaixo). De acordo com o capitão Antônio, comandante da Força Tática e que conduziu as ações, esta é a maior apreensão de drogas realizada na área do 7º BPM, em Santa Rita. A apreensão aconteceu na Comunidade do Cadeado, nas proximidades do Presídio Padrão, no loteamento Vidal de Negreiros. Todo o material apreendido foi apresentado na 6ª Delegacia Distrital para os devidos procedimentos cabíveis, e onde a pesagem oficial deverá ser feita. Ainda segundo o comando da Força Tática, o proprietário dos entorpecentes é um presidiário. Os suspeitos que tenham ligação com o tráfico seguem sendo procurados.

Mais dez nomes de foragidos da Justiça são incluídos no Programa de Recompensa do Ceará












O Governo do Ceará incluiu dez novos nomes de foragidos da Justiça no Programa Estadual de Recompensas. A iniciativa foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), na última sexta-feira (14). O intuito da inclusão é estimular a população a contribuir com informações que levem as autoridades cearenses à prisão dos alvos. Os nomes e os valores foram definidos pela Comissão Estadual do Programa. As denúncias devem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Um dos nomes que compõem a lista e segue sendo procurado pelas Forças de Segurança é Antônio Josivan Lopes Silva (30). O homem, que possui passagens por tentativa de latrocínio, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, é apontado como autor do homicídio que vitimou o policial civil Aloizio Alves de Lima Amorim (60), no último dia 30 de abril, em Tauá – Área Integrada de Segurança 22 (AIS 22) do Estado. Informações que levem à prisão do suspeito resultarão no pagamento de R$ 10 mil. Outro alvo do programa é condenado há mais de 249 anos de prisão quando tem suas penas de crimes somadas, conforme consulta no Banco Nacional de Monitoramento de Prisões. George Gustavo da Silva (31), conhecido como “Paraguai” ou “Playboy”, possui antecedentes criminais por integrar organização criminosa, tráfico de drogas, associação para o tráfico, lavagem de dinheiro e uso de documento falso. O homem ainda é apontado como um dos responsáveis pelo tráfico internacional de drogas. Conforme levantamentos policiais, “Playboy” era responsável pelo transporte de entorpecentes oriundos de países sul-americanos trazidos para o Ceará. Em território cearense, o material ilícito seria comercializado para países europeus. Evaldo Batista Ferreira (56), conhecido como “Evaldo Coragem”, com passagens por homicídio doloso, latrocínio e roubo, e Marcos Batista Ferreira Mendes (39), conhecido como “Marquim Coragem”, com antecedentes por homicídio e roubo, são considerados pelas autoridades policiais indivíduos de alta periculosidade. De acordo com as investigações, os homens são apontados como integrantes de um coletivo criminoso atuante na cidade de Sobral, na região Norte do Ceará. A recompensa para quem repassar informações que auxiliem na localização da dupla é de R$ 8 mil, para cada suspeito. MAIS - Acumulando 12 passagens pela Polícia no Ceará pelos crimes de homicídio doloso, sequestro e cárcere privado, extorsão, associação criminosa, roubo, roubo de veículos, posse e porte ilegal de arma de fogo, dano e posse de drogas, Antonio Edinaldo Soares de Oliveira (36), conhecido como “Naldo”, é fugitivo do sistema penitenciário desde 2020. O pagamento para informações que levem ao paradeiro do indivíduo será de R$ 7 mil. Com dois mandados de prisão em aberto expedidos pela Justiça cearense, “Mingau”, como é conhecido Gilberto de Oliveira Cazuza (30), já possui antecedentes pelos crimes de homicídio doloso, tráfico de drogas, associação para o tráfico, e posse ou porte ilegal de arma de fogo. Ele é apontado como um indivíduo de alta periculosidade e é procurado também por integrar um grupo criminoso atuante no Vale do Jaguaribe. A recompensa para qualquer informação que leve à localização de Gilberto é de R $7 mil. Suspeitos de integrarem organizações criminosas atuantes nos bairros Siqueira (AIS 2) e Parque Dois Irmãos (AIS 9), Daniel Oliveira da Silva (38), conhecido como “Daniel Trator”, e Francisco Edson Pereira (35), conhecido como “Dragão”, respectivamente, também foram incluídos na lista de recompensas. Os indivíduos possuem passagens pelos crimes de homicídio, tráfico de drogas, roubo e porte ilegal de arma de fogo. O pagamento para o recebimento de informações relevantes que levem as autoridades cearenses à prisão da dupla é de R$ 7 mil para cada alvo capturado. Os últimos dois nomes também incluídos no Programa de Recompensa correspondem às pessoas de Benedito de Sousa Vieira (33), conhecido como “Bené”, e Francisco Lopes Justino (38). Os dois indivíduos são fugitivos do sistema penitenciário cearense. Conforme apuração, Francisco Lopes, que possui antecedentes por extorsão mediante sequestro, associação criminosa, tráfico e associação para o tráfico de drogas, roubo e porte ilegal de arma de fogo, é apontado por comandar assaltos a bancos no interior do Ceará, além de possuir envolvimento com diversos outros crimes. Já “Bené”, que possui passagens por homicídio doloso e dano, é apontado como o responsável pela fuga de detentos da cadeia pública de Santa Quitéria, unidade prisional da qual também é foragido. Contra ele, há um mandado de prisão em aberto pelos crimes. De todos os alvos incluídos no Programa Estadual de Recompensa, instituído em 2019, seis já foram localizados, sendo uma mulher e cinco homens. Todos os homens foram capturados em outros estados da Federação. As localizações ocorreram no Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, São Paulo e Piauí. Já a única mulher incluída na lista e que já está presa foi capturada em Jijoca de Jericoacoara, no litoral cearense. Francisco Cilas de Moura Araújo, o “Mago”: foi preso no dia 7 de julho de 2020, em Teresina (PI), em uma operação deflagrada pela Polícia Civil do Ceará. Alban Darlan Batista Guerra: localizado no dia 31 de julho de 2020, na cidade do Rio de Janeiro (RJ), após troca de informações entre as Polícias Civis do Ceará e do Rio de Janeiro, sobre o paradeiro do foragido. Morreu em confronto com policiais civis do Rio de Janeiro. Lindemberg Vieira Viana, o “Detento”: preso no dia 13 de novembro de 2020, em Itaitinga (CE), em operação da Polícia Civil do Ceará com apoio da Coordenadoria de Inteligência (Coin) da SSPDS e da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) do Ceará. Almerinda Marla Barbosa de Sousa, a “Irmã Ruiva”: presa no dia 20 de novembro de 2020, em Jijoca de Jericoacoara (CE), em uma operação da Polícia Civil do Ceará. Eupídio Fernandes da Rocha, “Abel”: preso no dia 7 de fevereiro de 2021, em uma pousada no bairro Ponta Negra, na cidade de Natal (RN), pela Polícia Civil do Rio Grande do Norte. Paulo Diego da Silva Araújo, o “Dino”: preso no último dia 9 de maio de 2021, em uma residência na cidade de Salto, em São Paulo, pela Polícia Civil do Ceará. Dino estava com mandado de prisão em aberto e é investigado por integrar uma organização criminosa com atuação no narcotráfico, além de arquitetar ações criminosas contra o patrimônio público e privado no Ceará. Disque 181 - O Disque-Denúncias é o canal disponibilizado para o recebimento de informações que auxiliem os órgãos de segurança pública do Ceará. As ligações são gratuitas e os números telefônicos não ficam registrados no sistema. O sigilo é garantido.

PC INVESTIGA MORTE DE CRIANÇA DE 9 ANOS QUE CAIU DO 22º ANDAR DE PRÉDIO EM JOÃO PESSOA

A Polícia Civil da Paraíba, através da Delegacia de Crimes Contra a Pessoa (DCCPES) da Capital, já iniciou os trabalhos de apuração dos fatos referentes ao caso de uma criança que caiu do 22º andar de um prédio em João Pessoa na madrugada deste sábado (22), mas o caso está em fase preliminar de coleta de dados. “Já foram solicitadas as perícias necessárias e as imagens de câmeras de segurança, mas esses dados ainda precisam ser analisados com cautela e testemunhas serão arroladas ao inquérito. Esse é um trabalho que demanda tempo, pois temos que analisar cada informação com cuidado” disse a delegada Flávia Assad, titular da Delegacia de Crimes Contra a Pessoa da Capital. A partir desta semana a família vai ser ouvida pela Polícia. “Já sabemos que havia pessoas da família dentro do apartamento, porém essas pessoas ainda não foram ouvidas”, argumentou Flávia Assad.

domingo, 23 de maio de 2021

POLÍCIA CIVIL PRENDE ESTUDANTE DE DIREITO QUE SE PASSAVA COMO POLICIAL CIVIL PARA EXTORQUIR COLOMBIANOS EM SÃO LUÍS

Durante uma ação policial realizada na noite da última quarta-feira(20), a Polícia Civil do Maranhão, deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva contra um estudante de direito, que segundo as investigações policiais, se apresentava como policial civil para extorquir estrangeiros, principalmente colombianos que residem na capital maranhense. A Superintendência de Policia Civil da Capital – SPCC e a Secional Sul, já vinham investigando o paradeiro desse foragido da justiça e descobriram que ele estava participando regularmente de aulas no curso de direito, numa faculdade particular de São Luís. Segundo a Polícia Civil, a prisão ocorreu quando policiais se infiltraram como estudantes da Instituição de ensino. Os investigadores prenderam o suspeito no momento que o mesmo se dirigia ao banheiro, abordagem essa utilizada sem arriscar a integridade física de outros estudantes. Após a prisão, o preso foi apresentado no plantão do Cohatrac, onde teve sua prisão cumprida.

Polícia Civil deflagra Operação Repasse no município de Pedras Altas

A Polícia Civil, por meio da DECRAB/Bagé, deflagrou nesta quinta-feira (20), a Operação Repasse, cumprindo quatro mandados de busca e apreensão em estabelecimentos comerciais do município de Pedras Altas. Na ação, foram encontrados em dois estabelecimentos comerciais, além de carne sem procedência conhecida, uma série de produtos alimentícios em total desacordo com a legislação sanitária vigente e impróprios para o consumo humano, motivo pelo qual duas pessoas foram presas em flagrante. Nos estabelecimentos também foram encontrados produtos classificados como agrotóxicos e remédios veterinários, que além de não terem venda permitida nos referidos estabelecimentos, também estavam próximos a alimentos; mesmo tendo advertência da proibição na própria embalagem dos produtos. Duas proprietárias de dois diferentes estabelecimentos comerciais foram autuadas em flagrante por exporem à venda produtos impróprios para o consumo humano e encaminhadas ao PRB. A investigação começou no início no mês de novembro de 2020, com o objetivo apurar o possível comércio de carne sem procedência e oriunda de abigeato. A operação foi coordenada pelo Delegado André Mendes, titular da DECRAB/Bagé e contou com fiscais da Secretaria Estadual de Saúde, da Vigilância Sanitária Municipal de Pedras Altas e de agentes das Delegacias de Polícia de Pinheiro Machado, Aceguá e 2ª DP de Bagé e 9ªDPRI.

Polícia Civil indicia por crime racial dois manifestantes que encenaram enforcamento no Parque Moinhos de Vento

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Combate à Intolerância (DPCI), concluiu e remeterá ao Poder Judiciário, nesta sexta-feira (21), o inquérito que apurou o episódio em que manifestantes encenaram uma execução por enforcamento no Parque Moinhos de Vento, em Porto Alegre, durante ato promovido por apoiadores do presidente da República, Jair Bolsonaro, no dia 21 de abril. A DPCI investigou o caso a partir de denúncia feita por representantes da Câmara de Vereadores da Capital e de onze organizações civis. Duas pessoas serão indiciadas por dolo eventual por crime previsto no art. 20, da Lei 7.716/89 (Lei do Crime Racial). Na data do fato, um dos manifestantes se vestiu como um carrasco, com traje semelhante ao utilizado pelo grupo terrorista Ku Klux Klan, organização extremista que defendia a supremacia branca e fazia oposição aos movimentos de direitos civis, e enforcou “em praça pública” um boneco, fantasiado com uma roupa preta, o qual foi pendurado em uma árvore, em método de execução pelo qual o citado grupo ficou conhecido durante a perseguição que promovia ataque a minorias em geral e especialmente aos negros. Durante a investigação, tanto manifestantes como representantes das organizações civis foram ouvidos e, ainda que os suspeitos argumentassem a ausência de intenção de promover o racismo, houve claramente uma alusão a grupos supremacistas, uma vez que a túnica e o capuz bem como a encenação remetem automática e incontestavelmente ao movimento histórico do Ku Klux Klan. Conforme a delegada Andrea Mattos, titular da DPCI, “a reprodução de uma cena de assassinato durante uma manifestação político-ideológica não pode ser vista com normalidade. A encenação foi um ato de ódio, um ataque aos Direitos Humanos, extrapolou a normalidade democrática. A sua intenção e efeito lógico são o sentimento de insegurança de todas as pessoas que pertencem ao grupo atacado. E o sentimento de ódio que costuma motivar os ataques está intimamente relacionado aos preconceitos construídos histórica e socialmente contra as mais diversas minorias sociais”.

General Tire é a nova patrocinadora da equipe Território Motorsport para temporada 2021

São Paulo, 21 de maio de 2021 – A Território Motorsport anuncia o patrocínio oficial da General Tire para temporada 2021. A marca norte-americana integrante do Grupo Continental que fabrica pneus para todos os tipos de terreno, inclusive uma linha especial para veículos 4x4, estará equipando os UTVs da equipe, sobretudo da dupla multicampeã Edu Piano e Solon Mendes. “A General Tire é uma marca centenária com um histórico de muita tradição no mundo off-road. É uma imensa responsabilidade patrocinar um piloto supercampeão como o Edu Piano com um item tão estratégico como pneus, que fazem toda a diferença na performance do carro durante os ralis”, destaca Caio De Marchi, gerente de marketing da Continental Pneus. “Essa parceria comprova o quanto confiamos nos produtos da General Tire e em toda a tecnologia de ponta que trazem embarcada e no diferencial que poderão ajudar na conquista de novos títulos da equipe”, afirma o executivo. A parceria entre General Tire e a equipe não vem de hoje. Piano, pode testar a durabilidade do modelo Grabber X3 durante o Sertões 2020 e também no South American Rally Race (SARR), disputado em fevereiro, no deserto da Argentina. Dois ralis extremamente exigentes com terrenos que pedem equipamentos de alto desempenho, robustez e confiabilidade. “A experiência mais recente foi no SARR, onde andamos nas dunas, rios secos, com Especiais repletas de pedras gigantes e comprovou que o produto é resistente e aguentou firme as adversidades e tipos de piso que enfrentamos nos oito dias de prova, com um roteiro de Dakar”, explica o multicampeão do Sertões, recordista com oito títulos, sendo os sete últimos com o navegador Mendes. “Estamos muito felizes com essa parceria que se consolidou para temporada 2021. Vamos lutar para retribuir com pódios a aposta da General Tire na nossa equipe”, completa Piano que já disputou 25 edições do maior rali das Américas. Os UTVs Maverick X3 TM, preparados pela equipe, estarão equipados com o General Tire Grabber X3. Modelo desenvolvido com um visual arrojado e agressivo para aqueles que buscam a melhor performance off-road. Seu desempenho superior na lama, na terra e até mesmo em terreno rochoso é resultado do design e dos sulcos profundos de sua banda de rodagem, que inclui um sistema que facilita a expulsão de pedras. O Grabber X3 possui também inovadores recursos de proteção, como paredes laterais que protegem contra danos causados por pedras ou cascalho e uma estrutura interna de três camadas que aumenta sua resistência e durabilidade. Sobre a General Tire - Fundada em 1915, a General Tire, com sede em Fort Mill, na Carolina do Sul, pode olhar para trás em uma orgulhosa herança que cobre mais de um século. Desde o início, a marca fabrica pneus para todos os tipos de veículos. A empresa foi adquirida pela Continental em 1987. Operando hoje em todo o mundo, a General Tire produz pneus para carros, caminhões e aplicações industriais, bem como pneus especiais para veículos 4x4. A Continental desenvolve tecnologias e serviços pioneiros para a mobilidade sustentável e conectada de pessoas e seus bens. Fundada em 1871, a empresa de tecnologia oferece soluções seguras, eficientes, inteligentes e acessíveis para veículos, máquinas, tráfego e transporte. A Continental gerou vendas preliminares de € 37,7 bilhões em 2020 e atualmente emprega mais de 235.000 pessoas em 58 países e mercados. Em 2021, a empresa comemora 150 anos. A Área de Negócios de Pneus possui 24 unidades de produção e desenvolvimento em todo o mundo. A Continental é um dos principais fabricantes de pneus, com mais de 56.000 colaboradores, e essa área de negócio registrou vendas preliminares de € 10,2 bilhões em 2020. A Continental está entre os líderes em tecnologia na produção de pneus e oferece uma ampla gama de produtos para carros de passeio, veículos comerciais e especiais, bem como para duas rodas. Por meio de investimentos contínuos em pesquisa e desenvolvimento, a Continental faz uma importante contribuição para uma mobilidade segura, econômica e ecologicamente eficiente. O portfólio da área de negócios de Pneus inclui serviços para o comércio de pneus e para aplicações em frotas, bem como sistemas de gerenciamento digital para pneus. Informações no www.generaltire.com.br e Instagram @generaltire_brasil. 

sábado, 22 de maio de 2021

Iniciativa da PM para preservação do meio ambiente é reconhecida por ONG Zeladoria do Planeta

A Rede de Vizinhos Protegidos da Serra da Calçada e Parque Serra do Rola Moça, iniciativa da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), por meio das unidades que atuam com o Meio Ambiente na instituição, foi reconhecida pela Associação Ambiental e Cultural Zeladoria do Planeta como uma das 16 iniciativas que se destacaram no desenvolvimento de projetos socioambientais no Estado. A ONG Zeladoria do Planeta, que está completando 20 anos de atividades, divulgou os vencedores de mais uma edição do Prêmio Gestão Ambiental (PGA), realizado desde 2004, neste mês de maio, mas a cerimônia de premiação será em outubro, em um evento híbrido (presencial e virtual), quando será anunciado o destaque do ano. Ao todo, uma equipe da associação selecionou 16 iniciativas, entre empresas, projetos e personalidades, que vão disputar o destaque do ano, concorrendo a um troféu especial. "Em razão da pandemia, este ano foi ainda mais desafiador para as organizações que cuidam do meio ambiente. É por isso que o reconhecimento do prêmio é tão especial", afirma o presidente da ONG, Fernando Benicio. "A premiação mostra essencialmente que, com trabalho sério, consciência e união, as mudanças são possíveis. Nossa sociedade precisa de bons exemplos", complementa. Os vencedores deste ano são o livro “Anuências de Mata Atlântica em Minas Gerais”, iniciativa do Sindiextra e do Ibama; Gilson Essenfelder, pelo trabalho no sítio Pindorama, em Governador Valadares; Centro de Monitoramento Integrado, iniciativa da Samarco, em Mariana; Programa de Educação Ambiental no Parque Estadual Mata do Limoeiro, realizado pelo distrito de Ipoema em Itabira; Sistema de Alerta Climático, iniciativa da Defesa Civil de Minas Gerais; Programa “Diálogos com o Sisema”, iniciativa da Secretaria Estadual de Meio Ambiente; Projeto de diagnósticos ambientais, realizado pelo Instituto Prístino, no Vale do Rio do Peixe, no município de Rio Pardo; ecoagrícola, iniciativa de cultivo de cafés especiais da Serra do Cabral; Manoel Freitas, jornalista e um dos maiores fotógrafos da natureza do Norte de Minas; Samambaia Granitos, pela produção de blocos para construção civil aproveitando rejeitos sólidos; Evandro Mesquita (músico e ator), pelo apoio a campanhas ambientais; Saulo Laranjeira (músico, ator e apresentador), pelo apoio a campanhas ambientais; Carbon Zero (Carlos Alberto Tavares Ferreira), por neutralização de emissão de carbono; Programa de Fiscalização Preventiva nas Indústrias (FAPI), da Fiemg; e Projeto Biblioteca agroecológica da Ecoagri. A ONG Zeladoria do Planeta é uma entidade ambientalista, fundada em 2001, com sede em Belo Horizonte. A instituição promove eventos, campanhas, cursos, projetos de capacitação e concursos de cunho ambiental, além de trabalhar na criação de centros de educação ambiental. Autor: PMMG com informações ONG Zeladoria do Planeta

Arquivo do blog