quinta-feira, 29 de abril de 2021

Gerente do tráfico é preso e sistema de distribuição de drogas é desmantelado em Sapucaia do Sul

A Polícia Civil prendeu neste sábado (24) um gerente do tráfico e desmantelou sistema de distribuição de drogas em Sapucaia do Sul. Durante a ação foi apreendida grande quantidade de crack e cocaína. Após diversas prisões na região, os policiais coletaram informações sobre o responsável pela distribuição da droga. Com o avançar das investigações a equipe policial identificou o responsável por abastecer os pontos de venda, bem como o veículo utilizado para o transporte da droga. A partir daí os policiais aguardaram o momento da entrega da droga para realizarem a abordagem, apreenderem o restante da droga e prenderem os responsáveis por guardá-la. Maiores informações podem ser verificadas com a 2ª DP/Sapucaia do Sul, delegado Thiago Carrijo Fraga.

Polícia Civil apreende grande quantidade de armamentos, drogas e explosivos

Na noite de ontem (27), a Polícia Civil, em combate ao tráfico de drogas, prendeu em um homem de 30 anos, pelos crimes de posse de armas, munições e explosivos, e tráfico de drogas. A ação ocorreu no bairro Vila Maria, em Rio Grande. Com o indivíduo foram apreendidos grande quantidade de armamentos, entre eles, uma pistola calibre 45, uma pistola calibre 765, uma pistola calibre 9 mm, uma carabina Taurus CTT 40 e uma carabina Rossi 38, munições calibre 38, 44 munições calibre 380, 125 munições calibre 40, 54 munições calibre 9 mm, além de três coletes balísticos, sendo dois da polícia civil, sete carregadores, 2 kg de crack, 35 quilos de maconha, 300 gramas de cocaína, 1 kg e 900g de insumos para cocaína, quatro rolos de cordel para explosivos, um explosivo, três balanças de precisão e dois automóveis. A ação foi realizada através da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas, a Draco.

quarta-feira, 28 de abril de 2021

PMCE prende cinco pessoas e apreende três armas de fogo, munições e drogas após abordagem policial em Carnaubal/CE

A Polícia Militar do Ceará (PMCE), por intermédio do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) de São Benedito, realizou a prisão de cinco pessoas com três revólveres, munições, quase 11 gramas de drogas ilícitas, aparelhos celulares e R$ 1.160,00 em espécie. A ofensiva ocorreu por volta de 23h de ontem, 27, no Centro de Carnaubal/CE. Em patrulhamento de rotina na região, ao passar em uma determinada rua com suspeita de tráfico de drogas, a guarnição avistou um indivíduo em frente a uma residência e realizaram a abordagem. Com a devida autorização da moradora, os PMs adentraram no imóvel, onde foi localizado um revólver e 17 trouxas de maconha (7,8 gramas) e uma de cocaína (3 gramas). Ainda, na casa havia outras pessoas, que, ao perceberem a presença policial, tentaram fugir, porém, sem êxito. Nas proximidades do imóvel também foram encontrados mais dois revólveres. Com o flagrante, foi dada voz de prisão aos suspeitos, sendo todos encaminhados à Delegacia de Polícia Civil. Na unidade policial, Moisés Rodrigues de Farias (34), Anderson dos Santos Silva (28), Antônia Isaías Araújo de Paulo (25), Francisca Cíntia Delfino Costa (21) e Davi de Sousa Sabóia (27) foram autuados por posse ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas.

Quase 62k de drogas são apreendidos pela PMCE com apoio da PRF, em Tianguá-CE

A Polícia Militar do Ceará (PMCE) realizou mais uma expressiva apreensão de drogas, na manhã de hoje, 27, no município de Tianguá-CE. Quase 62 quilos de entorpecentes foram encontrados escondidos no para-choque de um automóvel, que foi abordado na BR 222, por militares do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRAIO). Era por volta de 9h, quando os PMs do CPRAIO, obtiveram a informação de que um determinado veículo estava em deslocamento de Tianguá-CE para Viçosa do Ceará-CE, com uma grande carga de drogas. Os policiais diligenciaram e cerca de uma hora depois avistaram o carro sob suspeita. Foi, então, realizada a abordagem. No primeiro momento nada de ilícito foi encontrado. Quando ainda faziam as vistorias, uma composição da Polícia Rodoviária Federal (PRF) chegou informando também de que estava em busca do referido veículo, em razão das mesmas suspeitas. Pelos fortes indícios, os agentes estaduais e federais fizeram uma inspeção mais detalhada no veículo e os 16,79 kg de cocaína e 45,145 kg de crack foram encontrados escondidos num fundo falso do para-choque traseiro do veículo, todos embalados em cerca de 50 tabletes. Em razão do flagrante, foi dada voz de prisão ao suspeito e realizada sua condução com todo o material apreendido à Delegacia de Polícia da Região, onde se encontra sendo feito os procedimentos cabíveis.  Assessoria de Comunicação da PMCE

Justiça concede liminar para home care a portadora de doença grave

Aposentada vive em São Pedro (SP) e sofre de atrofia multissistêmica
O juiz Luciano Francisco Bombardieri, da 2ª Vara Cível da Comarca de São Pedro, à pedido do advogado Fabricio Sicchierolli Posocco, do escritório Posocco & Advogados Associados, concedeu medida liminar para tratamento domiciliar a uma moradora da cidade, portadora de atrofia multissistêmica tipo parkinsoniana. A decisão emitida na segunda-feira (19) determina que o plano de saúde Caixa Beneficente dos Funcionários do Banco do Estado de São Paulo (CABESP) autorize e/ou custeie o tratamento médico completo de home care para a sua cliente, com o fornecimento imediato de todo material e mão de obra necessária ao procedimento, conforme prescrição médica e demais profissionais da saúde, no prazo de 10 dias, sob pena de fixação de multa. 
Entenda o caso
A mulher é aposentada, tem 56 anos e vive em São Pedro, cidade localizada na região metropolitana de Piracicaba, no interior de São Paulo. Ela é portadora de atrofia multissistêmica tipo parkinsoniana. A doença grave é neurodegenerativa, progressiva e incurável. Atualmente, a paciente encontra-se acamada, sem mobilidade, sob dependência de terceiros para realização de suas atividades básicas diárias, tais como alimentação, banho, mudança de decúbito, troca de fraldas e realização de curativos. Ela é cliente do plano de saúde Caixa Beneficente dos Funcionários do Banco do Estado de São Paulo (CABESP). Por isso, o médico neurologista que a assiste indicou que a empresa fornecesse o home care, com:
- enfermagem 24 horas por dia, 7 dias por semana;
- fisioterapia 5 vezes por semana;
- fonoaudiologia 2 vezes por semana;
- nutricionista 1 vez a cada 15 dias.
O plano de saúde recusou o pedido. O marido da aposentada procurou o escritório Posocco & Advogados Associados. A banca entrou com ação para tratamento home care com urgência.
De acordo com o advogado Fabricio Sicchierolli Posocco o tratamento domiciliar não pode ser recusado pela operadora de plano de saúde quando existe laudo médico fundamentado demonstrando a necessidade do paciente. “Cabe somente ao médico responsável pelo tratamento do paciente determinar a extensão de suas necessidades, não podendo o plano de saúde limitar ou negar esse tratamento por ausência de previsão contratual”, explicou o especialista em direito da saúde. A liminar foi emitida pela Justiça e a aposentada passa a ter direito ao tratamento domiciliar para administração de dieta, administração de medicações, troca de fraldas, mudança de decúbito a cada duas horas, banho no leito, fisioterapia, fonoaudiologia e nutricionista, conforme indicado pelo neurologista. “O home care é um regime análogo ao da internação hospitalar, e, por isso, deve ser acompanhado dos cuidados de enfermagem, medicação, alimentação e demais materiais necessários ao tratamento, cabendo à operadora o fornecimento de todos insumos e equipamentos necessários, o que, em regra, são fornecidos pelos hospitais”, fundamentou o juiz Luciano Francisco Bombardieri em sua decisão. Por causa da negativa, a defesa da aposentada pede ainda a condenação do plano de saúde em danos morais. A indenização será discutida ao longo do processo.
Mais informações em www.posocco.com.br.

domingo, 25 de abril de 2021

Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe continua em Itabuna

A Prefeitura de Itabuna, por meio da Rede de Frio da Secretaria Municipal de Saúde, continua com a vacinação contra o vírus Influenza (gripe). Nesta sexta-feira, dia 23, a vacina contra a gripe está sendo aplicada nos trabalhadores da Secretaria Municipal de Saúde. Ontem, foi a vez de os profissionais do Samu-192 e da UPA-24 horas, no Monte Cristo, serem vacinados. Equipes da Rede de Frio já estiveram nos hospitais Calixto Midlej Filho e de Base Luís Eduardo Magalhães para a imunização contra a gripe de profissionais destes locais. A vacina está disponível nas Unidades Básicas de Saúde e Unidades de Saúde Família para os subgrupos, à exceção dos trabalhadores da Saúde que estão sendo imunizados nos próprios locais de trabalho. O município permanece na 1ª fase até o dia 10 de maio, com a vacinação de crianças com seis meses e menores de 6 anos, gestantes, puérperas e trabalhadores da Saúde. A vacina influenza pode ser administrada com qualquer outro imunizante, exceto a vacina contra o coronavírus pela exigência de um intervalo de no mínimo 14 dias entre as doses.

Nota do Idema orienta as prefeituras sobre interdição dos trechos afetados