quarta-feira, 12 de maio de 2021

Polícia Científica auxilia na identificação de suspeito de furto na Controladoria Geral do Estado

Em resposta à requisição da 3ª Delegacia de Polícia Civil de Palmas, a diretoria de Papiloscopia do Instituto de Identificação, órgão vinculado à Superintendência da Polícia Científica, colaborou para o apontamento da autoria do furto ocorrido na sede da Controladoria Geral do Estado (CGE) no dia 27 de abril deste ano, através do confronto das impressões digitais deixadas no local do crime. Foi realizado o exame papiloscópico no local do crime e a coleta de objetos para perícia em laboratório. Deste exame, resultaram seis fragmentos papilares em boas condições de confronto, que foram lançados no sistema AFIS (Sistema Automatizado de Impressões Digitais), retornando o nome do autor do delito. O Sistema Automatizado de Impressões Digitais da Polícia Federal, disponibilizado à Diretoria de Papiloscopia devido ao Acordo de Cooperação Técnica, tem trazido excelentes resultados quanto a descoberta de autorias delitivas, pois contém um banco de dados com impressões digitais de todo o Brasil. Neste acordo a diretoria de papiloscopia do Instituto de Identificação tem inserido as impressões dos casos criminais do Tocantins, bem como de todos aqueles identificados criminalmente. Ao todo foram cinco fragmentos de impressões digitais positivados com o suspeito indicado pela Polícia Civil, encontrados tanto no local do crime como no material periciado no Laboratório de Papiloscopia. O laudo papiloscópico foi encaminhado à 3ª Delegacia de Polícia Civil de Palmas para procedimentos legais cabíveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog