sexta-feira, 21 de maio de 2021

Delegado Geral reúne novos gestores e pede disciplina e profissionalismo na Polícia Civil

“É uma satisfação muito grande estar aqui. Temos a importante missão de dar continuidade às boas práticas da gestão anterior e também temos um projeto em curso que necessita de disciplina e profissionalismo para dar certo", disse o delegado geral da Polícia Civil da Paraíba, André Rabelo, em reunião realizada com os novos gestores da Instituição. A reunião aconteceu nesta quinta-feira (20), no auditório da Academia de Polícia Civil da Paraíba - Acadepol – e contou com a participação da delegada geral adjunta, Cassandra Duarte, superintendentes regionais, delegados seccionais e os demais gestores ligados à nova formação da Delegacia Geral. O delegado geral deu as boas-vindas aos gestores e agradeceu a todos que participaram da gestão e aos que estão chegando agora. "Temos que implementar a melhoria nas questões administrativas, especialmente em face do processo de autonomia orçamentária financeira que tem o objetivo de priorizar a reestruturação física das unidades da Polícia Civil com melhores condições de trabalho para os policiais civis no atendimento à população", destacou André Rabelo. André Rabelo ressaltou que a Polícia Civil deve ser pensada como um todo e orientou os gestores a reportarem os problemas de suas regiões à Delegacia Geral. “Não adianta cada um tentar resolver o problema à sua maneira. Nós temos que falar a mesma língua e ter um pensamento uniforme. Não queira agradar apenas, queira construir algo em cima de critérios. Esse será o nosso legado. Uma Polícia não cresce sem hierarquia e disciplina”, concluiu. O diretor do Instituto de Polícia Científica - IPC -, Marcelo Burity, destacou o avanço da Polícia Civil nessa área. "A Paraíba saiu na frente com a implantação da cadeia de custódia e agora temos o laudo informatizado. Sempre tivemos o apoio da Delegacia Geral e vamos continuar com essa parceria", ressaltou. Tatiana Matos, delegada que assumiu a Gerência de Recursos Humanos, explicou aos gestores sobre pedidos férias e outras demandas do setor. "Estamos reorganizando as demandas, mas é imprescindível que cada seccional cumpra os prazos para entrega de dados. Somente assim vamos ter um RH organizado e funcionando com eficiência", disse. O delegado Hugo Lucena, que assumiu a Gerência Administrativa, disse que a Delegacia Geral deverá se aproximar mais dos servidores através dos delegados seccionais. “Vamos manter esse contato direto com cada região e com cada seccional para que os problemas sejam concentrados na administração. Isso vai facilitar a resolução dos problemas e dar um fluxo melhor ao trabalho da Polícia Civil”, concluiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog