domingo, 7 de fevereiro de 2021

Polícia Civil da Bahia adquire equipamentos de inteligência

A Polícia Civil da Bahia recebeu, nesta sexta-feira (5), 18 equipamentos tecnológicos de inteligência adquiridos por meio do Fundo Estadual de Segurança Pública (Fesp). Os dispositivos serão colocados em operação pelo Departamento de Inteligência Policial (DIP). A aquisição é resultado do trabalho do Escritório de Projetos e Processos (EPP), que – entre outras funções – é responsável pela captação e execução de recursos externos. Trata-se da segunda compra do tipo que chega à Polícia Civil este ano: em janeiro, a instituição recebeu dois extratores de dados avaliados em quase R$ 1 milhão, por meio do Fundo de Defesa de Direitos Difusos, do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP/FDD). O diretor do DIP, delegado Edenir Cerqueira, explicou que a chegada dos 18 equipamentos ressalta a busca da Polícia Civil por processos de investigação e inteligência cada vez mais especializados e modernos. "No mundo globalizado, caracterizado, sobretudo, pelo avanço tecnológico, a criminalidade guarda pouca referência de tempos românticos. Hoje, os voltados à delinquência cada vez mais fazem uso da tecnologia para a consumação de ilícitos criminais. Por isso, a Polícia Civil, baseada no seu planejamento estratégico, vem buscando adquirir as melhores ferramentas e equipamentos tecnológicos visando a fazer frente à criminalidade complexa e ao crime organizado, com ênfase especial no dataveillance, que permitem a mineração e o processamento de dados sensíveis para auxiliar investigações criminais mais eficazes", declarou. Entre os anos de 2019 e 2020, o EPP captou R$ 46,4 milhões, dentre os quais mais de R$ 18 milhões já estão em execução.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog