quarta-feira, 10 de junho de 2020

Justiça põe em liberdade criminoso de alta periculosidade que atua em Itabuna e Ilhéus


A Justiça continua beneficiando criminosos de alta periculosidade em todo o Brasil, e em Itabuna não é diferente. Desta vez, o agraciado pela liberdade foi Luan de Jesus, o Luan da Luz Vermelha, 35 anos. Nos anos de 2009 e 2010 esse indivíduo, que agia nos bairros Santa Inês, Antique, São Roque e Monte Cristo, é acusado de ter praticado mais de 15 homicídios em Itabuna. Na época ele chegou a ser conhecido também como O Terror. A sua fama na cidade fez aumentar as ações da polícia em sua captura e a gana dos rivais para o executar.
Em Dezembro de 2009, em uma ação violenta e criminosa, bandidos do Raio A do Antique invadiram o Santa Inês que, na época, tinha o domínio do Raio B, a procura de Luan. Como não encontraram mataram a mãe dele a sangue frio com vários tiros de pistola. Com isso, a guerra entre esses bairros estava declarada. Luan saía de moto a procura dos assassinos de sua mãe e atirava em quem via pela frente nos bairros rivais, mas o seu crime, de maior repercussão, foi o assassinato do idoso José Silva, 88 anos.
O crime aconteceu no bairro Santa Inês por motivo fútil. Luan estava no quintal do idoso, fumando com outros meliantes, e foi repreendido por seu José. Irado, Luan, e dois menores, mataram o idoso e o enterraram em cova rasa. Sua prisão ocorreu em julho de 2011. Ele foi condenado e estava preso no Presídio de Itabuna. Mas foi solto por causa da Pandemia do coronavírus.
No dia 3 de junho de 2020 ele já voltou a praticar crimes contra a vida. Uma câmera de segurança filmou Luan e Herbert Vieira, o Bocão executando Caio Sampaio em frente ao Condomínio Costa Azul, em Ilhéus. Um detalhe é que Luan da Luz Vermelha está usando tornozeleira eletrônica. Não se sabe a mando de qual facção Luz Vermelha está agindo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog