sexta-feira, 15 de maio de 2020

Desembargador arquiva pedido de HC coletivo contra toque de recolher em Lauro



Por Alexandre Galvão - O desembargador Julio Travessa, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), negou competência para julgar o pedido de habeas corpus coletivo impetrado pelo vereador Alexandre Aleluia (DEM) contra o toque de recolher decretado pela prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho (PT).
Na decisão, Travessa afirma que o feito não pode ser julgado na Corte e diz ainda que, por isso, arquiva o pedido.
Aleluia classifica como ditatorial a medida da petista que tem como objetivo conter a disseminação do novo coronavírus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog