sexta-feira, 17 de abril de 2020

Salvador: bebê de sete meses baleado na cabeça no Inferninho morre no hospital



Baleada na noite de domingo durante uma operação desastrosa da 48ª Companhia Independente, a bebê de 7 meses que estava internada no Hospital Geral do Estado, HGE, morreu na tarde desta quinta-feira (16/04). A criança chegou a passar por duas cirurgias na cabeça, mas infelizmente não conseguiu resistir.
Moradores da localidade do Inferninho, na Mata Escura, em Salvador, relataram que tentaram fazer uma manifestação na tarde de hoje, em frente ao Hotel Lua, mas foram impedidos pela guarnições da PM.
“A bala partiu da arma do policial, sim. A população foi pra entrada do Inferninho pra fazer protesto e eles colocaram todo mundo pra ir embora, batendo nos moradores. Jogaram gás de pimenta e dando tapa na cara, Até o celular estão tomando e mandando todo mundo ir embora”, disse uma moradora.Segundo informações a policia foi acionada, porque estava sendo realizado uma festa de paredão no local, em plena quarentena. Houve confronto com bandidos da localidade e troca de tiros. Os pais da pequena Lúcia se encontravam no local, com a criança, quando uma bala perdida acertou o bebê na cabeça. O laudo balístico ainda não foi divulgado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog