segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

PM É TORTURADO POR TRAFICANTES E TEM OS DOIS BRAÇOS QUEBRADOS EM SALVADOR



Um policial do 18º Batalhão e dois amigos foram torturados por traficantes da facção Comando do Boqueirão, na madrugada deste sábado (11/01), no Nordeste de Amaralina. Os criminosos ainda roubaram a arma do militar, de prenome Edmilson, que teve os dois braços quebrados. As vítimas haviam acabado de sair de um bar, no Mercado do Rio Vermelho e foram “tomar a saidera” no final de linha do bairro.
Minutos após a chegada ao Nordeste, os três foram surpreendidos por um grupo com dezenas de homens armados, que levaram eles para um lugar deserto, onde ocorreu o espancamento. Os amigos foram socorridos para o Hospital Geral do Estado e apenas o policial continua internado.
De acordo com a fonte , eles só não foram mortos porque moradores intercederam e imploraram para que os bandidos parassem o espancamento. O caso é investigado pela Polícia Civil e também pela Corregedoria Geral da Polícia Militar.
O tráfico do Nordeste de Amaralina já tem um histórico de ameaças, perversidades e homicídios contra policiais. Em 2018, o Cabo da PM Gonzaga foi executado no bairro com vários tiros e os criminosos ainda arrancaram partes do corpo da vítima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog