quinta-feira, 5 de dezembro de 2019

Publicação aborda uso de minhocas e enquitreídeos como indicadores da qualidade do solo

Nesta quinta-feira, 05/12, quando é celebrado o Dia Mundial do Solo, a Embrapa disponibiliza o livro “Ecotoxicologia Terrestre: métodos e aplicações dos ensaios em oligoquetas”. A publicação é pioneira nesta área e traz uma descrição detalhada do uso de oligoquetas, como as minhocas e os enquitreídeos, como indicadoras da qualidade solo e organismos-teste para a avaliação dos efeitos de diversos contaminantes como agrotóxicos ou metais pesados e até insumos agropecuários no solo.
Assim como outros organismos, as minhocas são utilizadas na avaliação do grau de periculosidade ambiental de produtos agrícolas exigida para o registro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Os mesmos métodos também podem ser aplicados em avaliações de áreas com suspeita de contaminação e também para determinar o grau de comprometimento da qualidade do solo. Os estudos contribuem, também, para o uso racional de agrotóxicos, pois ajudam a determinar a dose segura para o meio ambiente.
Disponível para download gratuito em:
http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/206187/1/Cintia-Niva-Livro-Ecotoxilogia-2019-final.pdf

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog