segunda-feira, 9 de dezembro de 2019

MS - Polícia Civil esclarece uma série de furtos, recupera objetos e prende dois em flagrante





Campo Grande (MS): Na tarde de sexta-feira (6), o Setor de Investigações Gerais da Polícia Civil de Ribas do Rio Pardo prendeu em flagrante Lucas Pereira dos Santos (25) por vários crimes de furto e Paulo Sérgio de Andrade (42) pelo delito de receptação.
Conforme apurado, nos últimos dias foram registrados inúmeros boletins de ocorrência por crimes de furto e, até então, não se tinha um suspeito pela prática desses delitos.
Na manhã de sexta-feira, mais duas ocorrências foram registradas: furto de um notebook pertencente a uma empresa privada e furto de uma caixa de som de propriedade da Prefeitura.
Após os últimos registros, referentes ao notebook e à caixa de som, a Polícia Civil recebeu denúncias anônimas no sentido de que o autor desses crimes seria Lucas.
Em diligências, policiais civis conseguiram localizar o Lucas, que confessou os furtos. Lucas decidiu colaborar com a Polícia e apontou os locais onde estariam escondidas as coisas furtadas.
Primeiro, os policiais foram até o Bairro Santo André, onde encontraram uma caixa de som dentro de uma casa abandonada. Na sequência, o notebook foi achado dentro de um veículo sucateado, que se encontrava em um depósito, no Bairro Jardim Vista Alegre. Após isso, uma bicicleta foi achada em uma oficina mecânica.

Por fim, Lucas disse que uma motocicleta furtada tinha sido vendida para Paulo pelo valor de R$ 500,00. Lucas afirmou que, ao vender o veículo a Paulo Sérgio, lhe contou que “o objeto era B.O”, e mesmo assim ele aceitou e fechou o negócio.

Diante dessa informação, os policiais civis foram até a residência de Paulo Sérgio. Embora ele não estivesse em casa naquele momento, a motocicleta encontrava-se escondida dentro de um dos cômodos da residência.
Ao terem notícia de que Paulo Sérgio estaria trabalhando em uma fazenda, os policiais foram até local, sendo-lhe dada voz de prisão pelo crime de receptação, uma vez que adquiriu coisa que sabia ser produto de crime.
Tanto Lucas quanto Paulo Sérgio foram encaminhados à Delegacia. O primeiro foi indiciado por vários crimes de furto, e o segundo por um delito de receptação. Os dois estão presos à disposição da Justiça.
Por fim, todos os objetos recuperados foram restituídos às vítimas.
Publicado por: Carlos Eduardo Orácio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog