terça-feira, 23 de julho de 2019

Jon Jones nega acusação de assédio feita por garçonete em casa noturna



AgFight  - Nos últimos dias, Jon Jones caiu no noticiário de forma negativa mais uma vez, ao ser acusado de assédio por uma garçonete. Ao se pronunciar sobre o caso através de um comunicado para o site da emissora ‘KRQE’, Denise White, representante oficial do campeão dos meio-pesados (93 kg) do UFC, afirmou que o americano está confiante de que será inocentado pelas “acusações sem fundamentos” feitas pela funcionária da casa noturna.
Além do pronunciamento de sua porta-voz, ‘Bones’ também usou as redes sociais (veja abaixo ou clique aqui) para se defender das acusações do caso. Ao ser mencionado por um fã, que lamentava o fato do campeão ter se envolvido em mais uma polêmica, o atleta retrucou de imediato e defendeu sua inocência.
“Eu definitivamente não estou metido em nenhum problema ou confusão, amigo. Não acredite tão rapidamente em tudo que você lê na internet”, publicou o meio-pesado do Ultimate.
O incidente teria acontecido em uma visita de Jones a uma casa de strip-tease, na cidade de Albuquerque (EUA), em abril. Após supostamente ter sido assediada pelo campeão, a garçonete chamou os policiais até a sua casa e relatou a eles que Jones a tocou de forma inapropriada, além de beijá-la no pescoço enquanto ela trabalhava. De acordo com ela, mesmo após pedir para que o lutador parasse, ‘Bones’ não a atendeu.
Após a denúncia da funcionária do estabelecimento, o atleta do UFC foi convidado a se apresentar à Justiça no último mês, mas não compareceu. A atitude perante a lei gerou uma consequência e uma ordem de prisão foi expedida contra Jones.
Em pronunciamento, seus representantes negaram a acusação, e alegaram que o americano só soube do caso depois que a notícia havia sido divulgada nos sites ao redor do mundo, no último domingo (21). Após tomar conhecimento do incidente, Jones pagou uma fiança de 300 dólares (cerca de R$ 1,1 mil) na Corte Metropolitana e teve sua ordem de prisão suspensa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog