segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019

Delegacia de Central conclui inquérito sobre morte de sindicalista

O delegado Michael Alves, titular da Delegacia Territorial (DT), de Central, concluiu e encaminhou ao Ministério Público, nesta segunda-feira (4), o inquérito que apurava o homicídio do presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Central, Aroldo Pereira de Souza, ocorrido no dia 8 de novembro do ano passado, naquela cidade.
De acordo com o delegado, durante as investigações foram feitas perícias e colhidos dezenas de depoimentos, até o cumprimento de mandados de busca e apreensão e de prisão dos autores. Sandra Ferreira da Rocha e o sobrinho Leandro Ferreira Rocha foram apontados como mandante e executor do crime, respectivamente.
Sandra teve a prisão temporária cumprida, na segunda-feira (28), e Leandro foi preso 13 dias depois do crime motivado por ganância. Tia e sobrinho eram sindicalizados e Sandra almejava a presidência do sindicato. Aroldo sofreu uma emboscada e foi morto quando voltava para a roça onde morava, no povoado de Larguinha, em Central.
Ascom-PC/Priscila Carvalho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog